Crônicas de pai

Leo Aversa
  • Formato(s) de venda: livro, e-book
  • Páginas: 352
  • Gênero: Crônicas, Humor e Entretenimento
  • Formato: 13 x 18 x 2,4 cm
  • Lançamento: 30/07/2021

O que se espera de um pai nos anos 20 do século XXI? Como era ser filho nas décadas de 1970 e 1980? Em Crônicas de pai talvez não estejam exatamente as respostas a essas perguntas, mas os leitores vão, junto com o autor, abrir os armários e as gavetas da memória para refletir sobre elas.

Com histórias que vão do nascimento à pré-adolescência de seu filho Martín, e da relação transformadora de ser cuidado e agora cuidar e acompanhar o pai, Leo Aversa percorre um caminho de lembranças ternas da juventude, casos hilários da relação com Martín e reflexões sobre ser um pai e um filho em constante evolução. Alimentação infantil, grupos de WhatsApp da escola, lembranças de Natais de outrora, partidas de futebol e videogame, busca por aprovação, caça a baratas voadoras e lições de vida para pais e filhos, nada escapa à caneta de Leo.

Nesta coletânea de crônicas, que reúne histórias inéditas e algumas das melhores já publicadas na sua coluna n’O Globo, Leo Aversa prova que ser pai é um aprendizado e ser filho é um talento. Histórias comoventes, engraçadas e corriqueiras, como o dia a dia de todos nós, se intercalam nesta obra que é o retrato de três gerações de homens unidos por laços de amor e cuidado. Em edição de luxo, com capa dura, pintura trilateral e projeto gráfico de Aline Ribeiro, o livro ainda conta com as belas e sensíveis ilustrações da artista Poeticamente Flor e apresentação de Adriana Calcanhotto.

Leia mais no BLOG

Leo Aversa

Leo Aversa

Leo Aversa é fotógrafo profissional desde 1988, tendo ganhado alguns prêmios e perdido vários outros. É formado em jornalismo pela ECO/UFRJ, mas não faz ideia de onde guardou o diploma. Sua especialidade na fotografia é o retrato, onde pode exercer seu particular talento como domador de leões e encantador de serpentes. Também gosta de fotografia de viagem, especialmente lugares singulares e perigosos, como Irã, Somália, Coreia do Norte e Beto Carrero World. Começou a escrever profissionalmente em 2015, no site do Projeto Colabora, e depois, em 2018, passou a assinar uma coluna no jornal O Globo. Escreve sobre assuntos que vão das raquetes elétricas aos absurdos do governo de plantão, passando sempre pelo pipoqueiro da esquina. É tricolor, hipocondríaco e, acima de tudo, pai do Martín.