Notícias

Livro de Robert Iger, ex-CEO da Disney, chega em julho

15 / julho / 2020

Nos últimos anos, a Disney tem feito história no mundo do entretenimento: o lançamento da plataforma de streaming Disney+ bateu a marca de 10 milhões de assinantes apenas um dia depois de ser lançada nos Estados Unidos e Vingadores: Ultimato é a bilheteria mais lucrativa da história (quase 3 bilhões de dólares).  Por trás desses números mágicos está Robert Iger, um líder visionário que mudou a história da empresa.

Em 2005, quando a competição estava mais acirrada do que nunca, Iger se tornou CEO da Disney. Com uma nova visão e ideias claras, ele transformou a empresa em um império estimado em mais de 250 bilhões de dólares e seu trabalho garantiu a compra de ativos valiosos como Pixar, Marvel, Lucasfilm e 21st Century Fox.

Considerado um dos empresários mais inovadores e bem-sucedidos da nossa era, o agora presidente da Disney compartilha suas histórias e princípios no livro Onde os sonhos acontecem: Meus 15 anos como CEO da The Walt Disney Company. A obra, que chega às lojas no dia 29/07, vai agradar desde os fãs da Disney até quem deseja aprender mais sobre liderança e conhecer a história desse grande executivo. 

Confira um trecho inédito:

Trabalho para a mesma empresa há 45 anos: 22 deles na ABC e outros 23 na Disney, depois que ela adquiriu a rede de televisão, em 1995. Nos últimos quatorze anos, tive a invejável tarefa de ser o sexto CEO a administrar a empresa desde que Walt a fundou, em 1923.

Houve dias difíceis, até mesmo trágicos. Mas, para mim, sem evitar o lugar-comum, esse também é o melhor trabalho do mundo. Fazemos filmes, programas de TV, musicais da Broadway, jogos, fantasias, brinquedos e livros. Construímos parques temáticos e atrações, hotéis e navios de cruzeiro. Organizamos desfiles, eventos e shows ao ar livre todos os dias em nossos quatorze parques em todo o mundo. Fabricamos diversão. Mesmo depois de todos esses anos, às vezes ainda me pego pensando: Como isso aconteceu? Como tive tanta sorte? Costumamos chamar as nossas maiores e mais empolgantes atrações em parques temáticos de “E-Tickets”. É o que me vem à mente quando penso em meu trabalho: um passeio de quatorze anos em uma superatração E-Ticket conhecida como Walt Disney Company.

Mas a Disney também existe no mundo dos balanços trimestrais, das expectativas dos acionistas e de inúmeras outras obrigações decorrentes da administração de uma empresa que opera em quase todos os países do mundo. Nos dias menos agitados, esse trabalho exige a capacidade de se adaptar e readaptar constantemente. Você vai de traçar a estratégia de crescimento com os investidores a analisar o projeto de uma nova e gigantesca atração de parque temático com a Imagineering; de fazer observações sobre a versão preliminar de um filme a discutir medidas de segurança e a gestão do conselho; de determinar preços de ingressos a definir a escala salarial. Os dias são desafiadores e dinâmicos, mas também são um exercício interminável de compartimentação.

 

Tags , , , , , , .

Saiba mais sobre os livros

Leia mais Notícias

5 dicas de vida de um dos maiores empreendedores do planeta

5 dicas de vida de um dos maiores empreendedores do planeta

Continuação de M, o filho do século explora a aliança entre o fascismo e a Igreja

Continuação de M, o filho do século explora a aliança entre o fascismo e a Igreja

Confira a data de lançamento e a capa do último volume de As provações de Apolo

Confira a data de lançamento e a capa do último volume de As provações de Apolo

O amor segundo Buenos Aires, de Fernando Scheller, vai virar série da HBO

O amor segundo Buenos Aires, de Fernando Scheller, vai virar série da HBO

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *