Café da manhã dos campeões

Kurt Vonnegut
  • Formato(s) de venda: livro, e-book
  • Tradução: André Czarnobai
  • Páginas: 400
  • Gênero: Romance
  • Formato: 14 x 21 x 2,4
  • Lançamento: 11/11/2019

Neste livro — lançado originalmente em 1973, uma sátira sobre guerra, sexo, racismo, sucesso e política nos Estados Unidos — um dos personagens mais emblemáticos e alter ego de Vonnegut, o autor de livros de ficção científica Kilgore Trout, descobre que Dwayne Hoover, um vendedor de carros americano aparentemente normal, está levando a sua ficção ao pé da letra e perdendo o juízo. Com a ajuda de seus famosos desenhos, Vonnegut conduz o leitor por um texto bem-humorado e crítico da sociedade norte-americana neste clássico moderno que o consagrou como um dos autores mais instigantes do nosso tempo.

Kurt Vonnegut

Kurt Vonnegut

Kurt Vonnegut nasceu em Indianápolis em 1922. Estudou nas universidades de Chicago e do Tennessee e mais tarde começou a escrever contos para revistas. Seu primeiro romance, Player Piano, foi publicado em 1951 e desde então ele escreveu muitos outros, entre eles: As sereias de Titã (1959), Mother Night (1961), Cama de gato (1963), God Bless You Mr Rosewater (1964), Welcome to the Monkey House; uma coletânea de contos (1968), Café-da-manhã dos campeões (1973), Slapstick, or Lonesome No More (1976), Jailbird (1979), Deadeye Dick (1982), Galapagos (1985), Bluebeard (1988) e Hocus Pocus (1990).

Outro título de Kurt Vonnegut pela Intrínseca