testeAmigo oculto da Duny [Encerrado]

O criador de Girls In The House, Raony Phillips, vai sortear 5 exemplares autografados de Meu livro. Eu que escrevi. através do seu perfil no Instagram. Para participar é só curtir e marcar 2 amigos nos comentários deste post do Instagram e preencher o formulário abaixo!

O resultado será divulgado no dia 22 de dezembro, sexta-feira. Boa sorte 😉

Confira os vencedores:

testeDe Girls in the House para as livrarias: Duny vai lançar um livro!

Barraqueira e desbocada, Duny está disposta a tudo para se tornar uma celebridade. Uma das estrelas da websérie Girls in the House, atualmente na terceira temporada e com mais de 100 milhões de views no YouTube, a diva dos memes com humor para lá de ácido (para dizer o mínimo) já ganhou até uma série própria, Disk Duny, em que é acionada para resolver diversas tretas do mundo pop.

Num dos episódios mais famosos, “Kim Expõe Taylor”, Duny revela tudo o que rolou na célebre briga entre Taylor Swift e as Kardashian:

Além de ajudar Lady Gaga a achar Tony Bennett, que não tem mais retornado suas ligações, ou salvar a cantora Sia, mantida em cativeiro pela Beyoncé, Duny também é comentarista on-line de premiações como o Oscar e o Grammy para uma grande rede de TV.

Duny Eveley é criação do carioca Raony Phillips, que tem mais de 1,2 milhão de inscritos em seu canal, o RaoTV. Aos 24 anos, Raony roteiriza, edita, sonoriza, compõe a trilha sonora e dubla praticamente todas as falas de suas webséries, produzidas na plataforma do jogo The Sims.

Em entrevista à Revista Galileu, Raony explica o sucesso de suas séries na internet: “Acho que é importante fazer uma história em que os personagens sejam como todos nós. Falta um pouco disso nos personagens de séries em geral. Escrevo as falas de forma livre e espontânea e procuro falar a língua das coisas da nossa realidade, coisas que vivemos.”

Raony e suas personagens

Para todos que já amam a Duny ou que ainda não conheceram sua trajetória repleta de lacres, barracos e baixarias cometidos em busca da fama, a Intrínseca publica em 1º de agosto Meu livro. Eu que escrevi, autobiografia recheada do início ao fim com o melhor da ironia (ou grosseria) moderna e total ausência de preciosismo vernacular.

Já que Duny não perderia a oportunidade de aparecer, confira o áudio de um trecho inédito do livro que já está em pré-venda. 

E a capa: