testePinguins, fantoches e sapateado

 

No próximo sábado, dia 09 de julho, comemoraremos o lançamento do clássico infantil “Os pinguins do Sr. Popper” com um espetáculo imperdível. Sob o comando da arte-educadora Flávia Reis, a história do sonhador Sr. Popper e de seus 12 pinguins será recontada com teatro de fantoches e sapateado.

 

Flávia Reis e Erlon Brando, os responsáveis pela montagem inédita, integram a Cia Arte e Manha, que há mais de 13 anos encanta jovens leitores com a adaptação de histórias feitas com bonecos e apresentadas em livrarias, escolas e centro culturais. No palco da Saraiva MegaStore do Shopping Rio Sul, a dupla encenará a história de Richard e Florence Atwater, que serviu de inspiração para o filme “Os pinguins do Papai”, estrelado por Jim Carrey.

 

No livro, o Sr. Popper, pintor de paredes, tem um sonho: ser um explorador na Antártica e viver entre seus animais favoritos, os pinguins. Ao escrever uma carta para o almirante Drake, renomado explorador do continente gelado, recebe um presente na porta de sua casa: um pinguim de verdade. Logo o bichinho ganha uma companheira, e antes que se dê conta o Sr. Popper tem um rinque de patinação no gelo em seu porão e uma dúzia de lindos pinguins vivendo em sua casa.

 

Lançamento “Os pinguins do Sr. Popper”
Data: 09/07 às 16h
Local: Saraiva MegaStore Rio Sul, Rio de Janeiro -RJ

 

testeEstante Intrínseca

Conheça os títulos que foram lançados em junho pela Intrínseca:

 

Amanhã você vai entender, Rebecca Stead
Lançamento 06/06

Miranda está em meio a um grande enigma. Um estranho pode ter invadido sua casa, seu melhor amigo foi agredido na rua e uma série de bilhetes, que ela não compreende nem sabe quem escreve, alerta sobre a morte de alguém. Alguém que ela poderá ajudar a salvar. Miranda é a protagonista de Amanhã você vai entender, uma surpreendente fantasia ambientada na Nova York do final da década de 1970, que recebeu a Medalha Newbery, prêmio da American Library Association destinado às mais importantes contribuições norte-americanas à literatura jovem. [+]

Leia o primeiro capítulo.

 

Guerra, Sebastian Junger
Lançamento 07/06

Durante quinze meses, Sebastian Junger acompanhou um pelotão de infantaria do exército dos Estados Unidos baseado numa remota área do leste do Afeganistão. A intenção era ao mesmo tempo simples e ambiciosa: transmitir a experiência dos que lutam em um campo de batalha, contar como se sente quem participa de uma guerra. Da vivência resultaram o o livro Guerra, escrito por Junger, e o documentário Restrepo, vencedor do Grand Jury Prize do Festival de Sundance e indicado ao Oscar de melhor documentário de 2010.  [+]

Leia o primeiro capítulo.

 

 

Os pinguins do Sr. Popper, Richard e Florence Atwater
Lançamento 09/06

Originalmente publicado em 1938, Os pinguins do Sr. Popper é um clássico da literatura infantil norte-americana escrito pelo casal Richard e Florence Atwater. Vencedor do Prêmio Newbery Honor de 1939, lançado pela primeira vez no Brasil pela Intrínseca, com ilustrações assinadas por Robert Lawson.

A adaptação cinematográfica da história, Os Pinguins do Papai, protagonizada por Jim Carrey, estreiou em 1° de junho nos cinemas brasileiros. [Assista ao trailer] [+]

Leia o primeiro capítulo.

 

 

Axolotle atropelado, Helene Hegemann
Lançamento 20/06

Romance de estreia da alemã Helene Hegemann, Axolotle atropelado é uma obra feroz que conquistou a crítica literária e se transformou em fenômeno editorial. A narrativa das experiências de uma jovem de 16 anos, radicalmente influenciadas pelo uso de drogas, mescla alucinações e realidade, em uma sucessão de acontecimentos paradoxais e incomuns. [+] Leia o primeiro capítulo.

 

 

 

 

Próximos lançamentos:


Estrela da noite, de Alyson Noël
Lançamento 12/07

No quinto livro da série Os imortais, Haven está certa de que Ever é responsável pela morte de Roman e está determinada a destruí-la. Seu primeiro passo é separá-la de Damen, e, para isso, conta com a arma ideal: um segredo terrível sobre suas vidas passadas, que lançará uma nova luz sobre o relacionamento de Ever e Jude.

Obrigada a enfrentar seus maiores medos com relação ao companheiro que escolheu para a eternidade, Ever é lançada em um combate mortal contra Haven, que poderá significar a destruição de todos. [+]
Leia o primeiro capítulo.

 

Dupla falta, Lionel Shriver
Lançamento 15/07

A vida de Willy Novinsky é o tênis, e amá-la significa amar o seu jogo. Willy conduz à desconcertante incursão psicológica de Lionel Shriver em Dupla falta, que expõe o universo de um casal de tenistas profissionais e a delicada relação em que marido e mulher estão em lados opostos da rede. Originalmente publicado em 1998, nos Estados Unidos, Dupla falta apresenta os sentimentos inconfessáveis que se tornaram a marca da escritora em obras posteriores como Precisamos falar sobre o Kevin — vencedor do Prêmio Orange de 2005 — e  O mundo pós-aniversário. [+]
Leia o primeiro capítulo.

 

Antes que eu vá, Lauren Oliver
Lançamento 19/07

Samantha Kingston tem tudo: o namorado mais cobiçado do universo, três amigas fantásticas e todos os privilégios no colégio. Aquela sexta-feira, 12 de fevereiro, deveria ser apenas mais um dia de sua vida mágica e perfeita. Em vez disso, acaba sendo o último. Mas ela ganha uma segunda chance. Sete “segundas chances”, na verdade. E, ao reviver aquele dia vezes seguidas, Samantha desvenda o mistério que envolve sua morte — descobrindo, enfim, o verdadeiro valor de tudo o que está prestes a perder. [+]
Leia o primeiro capítulo.

 

 

testeUm filme para ler

Por Daniele Machado*

Livros que viram filmes são um tema que provoca arrepios em alguns leitores. Aquela história de que você tanto gosta, os pequenos detalhes e os diálogos que o ajudaram a construir imagens e sensações tão particulares, de repente estão ali: enormes, em cores e totalmente desvirtuados pela criatividade de outra pessoa. Quando mais nova, confesso, eu fazia listas, e uma das mais preciosas era a de “Livros a que não devo assistir de novo”. Essa fase das listas passou, e o conservadorismo também. Atualmente, já consigo assimilar o livro, o filme, a peça etc. como experiências diferentes, e me permito a opção de gostar de tudo, às vezes mais, às vezes menos, mas sem nenhum pudor.

Por isso, na última terça-feira, foi com animação que cheguei à pré-estreia de Os Pinguins do Papai, o simpático filme que estará hoje nas salas de cinema do país, livremente inspirado no livro Os pinguins do Sr. Popper — um homem comum, com mulher e filhos comuns, que, sem mais nem menos, recebe pelo correio uma remessa extraordinária: um pinguim de verdade.

Os oitenta anos que separam a adaptação cinematográfica e a primeira edição do livro justificam as licenças mostradas na tela: o pintor de paredes da década de 30 é agora um ambicioso corretor de imóveis e a família Popper não divide mais a mesma casa — pai e filhos convivem em finais de semana alternados —, mas o charme e a diversão da história continuam lá, encantadoramente personificados em oito pinguins tão expressivos e cheios de personalidade que dá mesmo vontade de, como Jim Carrey, abrir a porta de casa e topar com um engradado refrigerado vindo do Polo Sul.

O texto original nasceu pelas mãos do casal Richard e Florence Atwater. Ele, que faleceu antes de ver o livro publicado, ficou fascinado pelos pinguins após assistir ao então recente documentário With Byrd at the South Pole, que cobria a expedição antártica realizada entre 1928 e 1930 pelo notável Almirante Byrd, um dos mais famosos exploradores dos Estados Unidos. Ela, depois da avaliação e da recusa de algumas editoras, foi aos poucos reescrevendo trechos do manuscrito original do marido, até que, em 1938, o livro teve sua primeira edição publicada pela editora americana Little Brown, e até hoje nunca parou de ser reimpresso.

Diz-se que foi com uma ajudinha dela que os pinguins do pintor Popper ganharam tamanho charme e personalidade. Eu me arrisco a dizer que, com a ajudinha desse filme, você vai ampliar sua lista dos “Livros a que devo assistir várias e várias vezes”.

*Danielle Machado é editora dos livros infantojuvenis e cross-over da Intrínseca.

teste[Atualizado] Jim Carrey chega dia 27 no Brasil para a divulgação de Os Pinguins do Papai

 

Jim Carrey chega no dia 27 de junho ao Rio de Janeiro para a divulgação de seu novo filme Os Pinguins do Papai. No mesmo dia, haverá coletiva de imprensa com o ator e, no dia seguinte, acontecerá a prèmiere do filme, com tapete vermelho para os convidados.

Os Pinguins do Papai, cuja história foi inspirada no clássico infantil Os pinguins do Sr. Popper, estreia no país em 1° de julho.

Na comédia, Jim Carrey é um homem de negócios que tem sua vida transformada após herdar seis pinguins. O filme tem direção de Mark Waters (Minhas Adoráveis Ex-Namoradas) Carla Gugino (Watchmen – O Filme), Madeline Carroll (Missão Quase Impossível) e Dominic Chianese (Todos os Homens do Presidente) no elenco.

Fonte: O Globo