teste17 livros para um verão incrível

Confira nossa seleção de livros para um verão literário:

1. Aconteceu naquele verão,organizado por Stephanie Perkins — O livro reúne doze contos apaixonantes e surpreendentes de doze escritores amados pelos jovens, como Cassandra Clare e Veronica Roth. Com as mais diversas referências que agradam desde o leitor mais romântico aos fãs do seriado Black Mirror, o livro é ideal para quem adora histórias de amor de todos os tipos. [Leia+]

2. A química, de Stephenie Meyer — Uma ex-agente especial fugindo dos antigos empregadores precisa aceitar um novo trabalho para limpar seu nome e salvar a própria vida. A química, o primeiro lançamento inteiramente inédito de Stephenie Meyer em seis anos, é um thriller diferente de tudo o que ela já publicou. [Leia +][Leia um trecho]

3. Cinquenta tons mais escuros, de E L James — Com capa inspirada no filme, a edição especial do segundo livro da trilogia tem conteúdo extra: fotos e comentários da autora sobre os bastidores da aguardada sequência cinematográfica e ainda um trecho antecipado de Cinquenta tons mais escuros pelos olhos de Christian, próximo romance de E L James. [Leia +]

4. O martelo de Thorde Rick Riordan — No segundo livro da série Magnus Chase e os deuses de Asgard, o filho do deus Frey descobrirá que casamentos arranjados ainda não saíram de moda: para recuperar o martelo de Thor, que está nas mãos dos inimigos, Loki, o deus da trapaça, propõe uma aliança entre semideuses e gigantes. [Leia +] [Leia um trecho]

 5. Não se enrola, não, de Isabela Freitas — “Enrolar-se: pensar de um jeito e fazer exatamente o contrário.” Após Não se apega, não e a sequência, Não se iluda, não, Isabela Freitas mostra em seu terceiro livro os primeiros passos de seus personagens na vida adulta, com toda a independência e as responsabilidades que ela proporciona. [Leia +][Leia um trecho]

 6. O som do amor, de Jojo Moyes — um romance sobre obsessão, manipulação, segredos e paixões, O som do amor é um dos primeiros livros da autora do best-seller Como eu era antes de você. Por meio de personagens carismáticos e capazes de tudo para realizar seus objetivos, Moyes mantém seu estilo inconfundível em uma brilhante história sobre recomeços. [Leia +][Leia um trecho]

7. Gentil como a gente, de Fernanda Gentil — Com leveza e humor, Fernanda Gentil conta uma história de amores vivida por uma família singular e ao mesmo tempo igual à de todo mundo. Mocinha (ou Fernanda?) briga e, com a frequência de eclipses lunares, pede desculpas. Quando quer, sabe ser fofa. E mostra-se craque em entender as diferenças entre o feminino e o masculino, mata no peito, sai de impedimento, bota para escanteio e bate um bolão. Porque o que Fernanda mais quer é fazer e ser feliz. Sem firulas. Gentil. Como a gente. [Leia +]

8. Garoto21, de Matthew Quick  Finley utiliza o basquete para aliviar suas preocupações, enquanto Russ não quer mais se aproximar de uma bola. Depois de sofrer um grande trauma, ele fica em estado de negação e passa a se considerar um alienígena de passagem pela Terra. Com a missão de ajudar Russ a se recuperar, Finley tenta convencer o garoto a voltar a jogar, mesmo que isso signifique perder o próprio lugar na equipe. Uma emocionante história sobre esperança, amizade e redenção, com a prosa sensível e inteligente de Matthew Quick. [Leia +]

9. A filha perdida, de Elena Ferrante — Lançado originalmente em 2006 e ainda inédito no Brasil, o romance da autora que se consagrou por sua série napolitana acompanha os sentimentos conflitantes de Leda, uma professora universitária de meia-idade que, aliviada depois de as filhas já crescidas se mudarem para o Canadá com o pai, decide passar férias no litoral sul da Itália. [Leia +] [Leia um trecho]

10. Fãs do impossível, de Kate Scelsa — Mira, Sebby e Jeremy são três amigos em meio aos complexos conflitos da adolescência. Mesmo sentindo-se despedaçados, sem motivos para serem amados e tentando não sucumbir à solidão, eles lutam pela vida, cada um à sua maneira. Mira está começando em uma escola nova, depois de passar um tempo no hospital. Sebby é um garoto brincalhão que leva a vida com boas doses de mentira e bom humor, até que seu lado mais destrutivo vem à tona. Jeremy está retornando à antiga escola, depois de um tempo afastado por causa de um incidente traumático que arruinou seu ano letivo.

 11. História da sua vida e outros contos, de Ted Chiang — Ícone da ficção científica contemporânea é publicado pela primeira vez no Brasil em coletânea que inclui o conto que inspirou o filme A Chegada. Com apenas quinze trabalhos publicados, entre contos e novelas curtas, a pequena produção de Chiang contrasta com a expressiva quantidade de premiações: os oito textos reunidos em História da sua vida e outros contos ganharam no total nove importantes prêmios, dentre eles Nebula, Hugo, Locus, Sturgeon, Sidewise e Seiun. [Leia +][Leia um trecho]

12. Pax, de Sara Pennypacker — Peter e sua raposa, Pax, são inseparáveis desde que ele a resgatou, órfã, ainda filhote. Um dia, o inimaginável acontece: o pai do menino vai servir na guerra e o obriga a devolver Pax à natureza. Ao chegar à distante casa do avô, onde vai morar por um tempo, Peter reconhece que não está onde deveria: seu verdadeiro lugar é ao lado de Pax. Movido por amor, lealdade e culpa, ele parte em uma jornada solitária de quase quinhentos quilômetros para reencontrar sua raposa, apesar da guerra que se aproxima. Enquanto isso, mesmo sem desistir de esperar por seu menino, Pax embarca em suas próprias aventuras e descobertas. [Leia +]

13. Alucinadamente feliz: Um livro engraçado sobre coisas horríveis, de Jenny Lawson  Longe de ser uma pessoa comum, Jenny Lawson se considera uma colecionadora de transtornos mentais. Por essa perspectiva, sua vida pode parecer um fardo insustentável. Mas não é. Após receber a notícia da morte prematura de mais um amigo, Jenny decide não se deixar levar pela depressão e resolve que criará para si o maior número possível de experiências hilárias e ridículas a fim de encontrar o caminho de volta à sanidade. [Leia +]

14. A agenda antiplanos, de Keri Smith — Com espaços sem data e distribuídos aleatoriamente para você fazer um resumo do mês que desejar, o novo projeto da autora de Destrua este diário funciona como um diário criativo, que vai ajudar o leitor a estruturar os pensamentos de uma forma nada limitada nem previsível. [Leia +]

15. O livro dos Baltimore, de Joël Dicker — O novo romance do autor de A verdade sobre o caso Harry Quebert revisita seu personagem mais emblemático: Marcus Goldman. Marcus teve uma juventude inesquecível em Baltimore, cidade em que passou seus melhores momentos ao lado da família até que um acontecimento mudou a vida de todos. Oito anos depois desse fatídico dia, Marcus ainda tenta montar o quebra-cabeça e desvendar o passado. [Leia +]

16. Como combater a fúria de um dragão, de Cressida Cowell — O emocionante desfecho da série Como treinar o seu dragão coloca frente a frente humanos e dragões. Quem vai vencer a Batalha Final? Repleto de ilustrações, ação, humor e mensagens inspiradoras, o combate agora caminha para o seu fim. [Leia +]

17. Destinos e Fúrias, de Lauren Groff — Aos 22 anos, Lotto e Mathilde são jovens, perdidamente apaixonados e destinados ao sucesso. Eles se conhecem nos últimos meses da faculdade e antes da formatura já estão casados. Seguem-se anos difíceis, mas românticos. Uma década depois, o caminho tornou-se mais sólido. Ele é um dramaturgo famoso e ela se dedica integralmente ao sucesso do marido. A vida dos dois é invejada como a verdadeira definição de parceria bem-sucedida. Porém, nem tudo é o que parece, e em um casamento essa máxima se faz ainda mais verdadeira. Se em “Destinos” somos seduzidos pela imagem do casal perfeito, em “Fúrias” a tempestuosa raiva de Mathilde se revela fervendo sob a superfície. Em uma reviravolta complexa e emocional, o que começou como uma ode a uma união extraordinária se torna muito mais. [Leia +]

 

teste14 ou 15 fatos que provam que Fernanda Gentil é a melhor pessoa

gentil_5

Reunimos alguns fatos que provam que a jornalista Fernanda Gentil, autora de Gentil como a gente, é a melhor pessoa!

 

1) Ela é uma das fundadoras da Caslu,  instituição que ajuda crianças e adolescentes

 

2) Ela cuida do afilhado como um filho depois que a mãe dele partiu

 

3)  Ela é muito divertida e realmente gentil com todo mundo

 

4) Ela conheceu o ex- marido na sua festa de 15 anos! E ele foi de penetra!  

gentil_1Trecho de Gentil como a gente

5) Ela sabe fazer carão

 

6) Ela é rainha das embaixadinhas segurando bebê no colo

 

7) Ela um dia terá um trio elétrico

Amo vocês vizinhos!!!!!!!❤️❤️❤️❤️ (preciso de um trio elétrico)

Um vídeo publicado por Fernanda Gentil – Oficial (@gentilfernanda) em

 

8) Ela nina o filho cantando, em vez de “Nana nenê”, “Cohab City”!

 

9) Ela escreveu um livro incrível

10) Ela faz autógrafos personalizados!

 


11) Ela é fera no Imagem & Ação 

gentil_10Trecho de Gentil como a gente


12) Ela é carismática nível 11

 

13)  Ela não é nem um pouco neurótica, ela só pensa em todas as possibilidades…

gentil_7Trecho de Gentil como a gente

 

 

14)   Ela é uma pessoa 100% sensata, que mantem as situações sob controle, não importa o que aconteça.

gentil_9
Trecho de Gentil como a gente

15) <3

Primeira vez que fico tanto tempo fora sem os dois. Primeira vez que sinto como se tivesse tirado dois corações do corpo e deixado um com cada um. Primeira vez dessa saudade em dose dupla que corrói, urra, dói fisicamente como uma ferida que nunca cria casquinha. Primeira vez que curto uma viagem e olho cada esquina pensando em como seria com eles. Será que dá pra trazer? Com ou sem babá? Ficaria muito caro? Tem programa pra eles? E essa camisa, fica bem no Lucas ou no Gabriel? Tem tamanho pros dois? Levo igual ou diferente? Esse brinquedo cabe na mala? Essa mamadeira ainda vai ser útil? Essa praia com criança não dá. Esse restaurante é legal pra eles. Tem parquinho no hotel? E nesse quadriciclo, como iríamos todos juntos? Teria que alugar carro. O hotel é ótimo pra criança! Essa piscina dá pé? Pois é… primeira vez que todos esses pensamentos habitam tanto a minha cabeça. Definitivamente viajar ganhou um novo significado – agora não é apenas tirar uns dias pra relaxar e descansar. É relaxar, descansar e também sobreviver sem eles. Os dois primeiros eu fiz, fiz com orgulho, com vontade, com a consciência leve como pluma; de quem merece uns dias pra arejar. De quem deixou os pequenos com os pais, aliás, os melhores que poderiam ter. Mas sobreviver sem eles é humanamente impossível. Por isso to voltando pra casa. Volto para rever essa cena, como se nunca tivesse visto. Pela primeira vez volto com a empolgação de quem tá voltando pela primeira vez.

Um vídeo publicado por Fernanda Gentil – Oficial (@gentilfernanda) em

testeLivros que você não pode deixar de conhecer na Bienal de São Paulo

BIENAL_JOJO_MOYES

Esperamos todos vocês no nosso estande da Bienal Internacional de São Paulo (F30)! Além da chance de conhecer seus autores preferidos e de encontrar outros leitores, a Bienal é o lugar ideal para descobrir livros incríveis.

>> Veja a programação completa do nosso estande na Bienal

Confira nossa seleção de livros e autores:

 

– Jojo Moyes

jojo_moyes

Se você gosta de romances e de personagens inesquecíveis, precisa conhecer as obras da britânica Jojo Moyes. Autora do sucesso Como eu era antes de você, que inspirou o filme protagonizado por Emilia Clarke e Sam Claflin, Jojo Moyes têm uma legião de fãs no mundo todo e outros seis romances já publicados pela Intrínseca.

 

1IM_red

 

Coleção Como Lidar

livros_como_lidar

Sim, a vida adulta é muito difícil: repleta de contas para pagar, ansiedade com relação a aparência, relacionamentos… Mas não se preocupe, se você não sabe como lidar com os muitos problemas da vida adulta, ainda assim é possível rir um bocado deles.

A Coleção Como Lidar reúne guias simples e ultradidáticos sobre questões clássicas que atormentam uma parcela considerável dos que já atingiram a maioridade: como lidar com os encontros? Como sobreviver à ressaca? Como compreender o hipster? E como funcionam dois seres para lá de enigmáticos: o marido e a esposa?
 

– Série O lar da srta. Peregrine para crianças peculiares

chegadadegráfica

Com fotografias sinistras e uma narrativa emocionante, o sombrio universo criado por Ransom Riggs estreará nos cinemas no final de setembro, com direção de Tim Burton!

Biblioteca de almas, terceiro e último volume da saga, já está nas livrarias. Nele, Jacob e seus companheiros continuam empenhados na batalha pela sobrevivência dos peculiares iniciada em Cidade dos etéreos.

E tem mais! Dia 3 de setembro, dia da Fenda Temporal da srta. Peregrine, a Intrínseca lançará na Bienal Contos peculiares, o livro dentro dos livros. A coletânea de contos, citada ao longo da série, reúne histórias que os jovens peculiares escutam sua protetora contar e recontar.

 

Obras de autores que estarão na Bienal:

 

Simon vs. a agenda Homo Sapiens, de Becky Albertalli

SIMON_FOTO
Simon troca e-mails anônimos com Blue. Eles são dois garotos gays que só confiam um no outro para se abrir e discutir sobre suas identidades, desejos e medos mais íntimos. Durante a troca de mensagens os dois acabam se apaixonando. O livro discute também o que deve ser o padrão. Por que a heterossexualidade é o padrão?  Por que ser branco é o padrão? Simon analisa todos esses estereótipos de um jeito sensível e perpicaz.

Becky Albertalli participa do bate-papo “A diversidade na literatura para jovens adultos” na Arena Cultural, no sábado, 3/09, às 19h. A sessão de autógrafos será no dia seguinte, ao meio-dia, em nosso estande.

 

Os Dois Terríveis ainda piores, de Jory John e Mac Barnett, ilustrado por Kevin Cornell

Mac 3
A dupla mais terrível de Vale do Bocejo está de volta, e agora os dois amigos precisarão ser mais inteligentes e desordeiros do que nunca se quiserem dar fim a um vilão alérgico a brincadeiras e felicidade.

Mac Barnett participa do bate-papo “A importância da ilustração na literatura infantil: a identificação das crianças com as imagens” na quinta-feira, 1/09, às 11h, na Arena Cultural. O encontro será seguido por sessão de autógrafos.

 

Pó de lua nas noites em claro, de Clarice Freire

1IMG_6502_red
Em seu segundo livro, Clarice vira a madrugada ao avesso em palavras e imagens, dedicando uma hora a cada capítulo, da meia-noite ao amanhecer. O livro alterna passagens em prosa e poesia, acompanhando sua personagem durante um longo e mágico passeio pela cidade quase deserta.

Clarice participa de sessão de autógrafos no nosso estande no domingo, 28/08, às 15h.

 

Ilustre Poesia Eu me chamo Antônio, de Pedro Gabriel

ilustre poesia
Desta vez, Antônio procura escapulir do confinamento nos quadradinhos de papel dos guardanapos e ganhar a liberdade. Ao mesmo tempo, explora galáxias, as profundezas do mar e os confins da terra em textos de prosa poética que podem ser lidos como uma espécie de correspondência com o personagem. O senso de humor, a irreverência e o gosto pelos trocadilhos são compartilhados por Antônio e seu poeta.

Pedro Gabriel participa de sessão de autógrafos no nosso estande no sábado, 27/08, às 15h.

 

Gentil como a gente, de Fernanda Gentil

instagrameventogentil
Com leveza e humor, Fernanda Gentil conta uma história de amores vivida por uma família singular e ao mesmo tempo igual à de todo mundo. Mocinha (ou Fernanda?) briga e, com a frequência de eclipses lunares, pede desculpas. Quando quer, sabe ser fofa. E mostra-se craque em entender as diferenças entre o feminino e o masculino, mata no peito, sai de impedimento, bota para escanteio e bate um bolão. Porque o que Fernanda mais quer é fazer e ser feliz. Sem firulas. Gentil. Como a gente.

Fernanda participa de sessão de autógrafos no nosso estande na quarta-feira, 31/08, às 18h.

 

Não se iluda, não, de Isabela Freitas

instagram_NaoSeIludaNao_4

Em seu segundo livro, Isabela Freitas dá sequência às histórias dos personagens de Não se apega, não. Dessa vez, com a cabeça nas nuvens e os pés firmemente no chão, a protagonista vai em busca daquilo que seu coração realmente deseja, mesmo quando o caminho é acidentado e cada curva parece esconder uma nova surpresa.

Isabela participa do bate-papo “A relação entre a realidade e a fantasia na autoficção” na Arena Cultural na terça-feira, 30/08, às 11h.

 

Tudo tem uma primeira vez, de Vitória Moraes (Viih Tube)

foto_tudotemumaprimeiravez2
Como foi o seu primeiro beijo? E a primeira vez que teve coragem de dizer “eu te amo” para alguém? Ou que vacilou feio com uma amiga? Em Tudo tem uma primeira vez, Vitória Moraes, a Viih Tube, fala abertamente e com muito bom humor sobre os grandes (e primeiros) momentos da adolescência.

Viih autografa seu livro no domingo, 28/08, às 14h no estande da Saraiva.

 

História do futuro, de Míriam Leitão

2IMG_6822
Somente a jornalista mais premiada do país seria capaz de aceitar o desafio de olhar para além do imediatismo do presente e mapear o que está por vir. O resultado é História do futuro, que compila pesquisas, análises, entrevistas e depoimentos para apresentar, de forma acessível, tendências e perspectivas para os próximos anos.

Míriam media o bate-papo “Lutas na ditadura e desafios na democracia” no Salão Ideias na sexta-feira (02/09), às 20h. A sessão de autógrafos acontece logo depois, às 21h, em nosso estande.

 

E tem mais lançamentos imperdíveis!

 

Alerta de risco, de Neil Gaiman

Gaiman 2
Um escritor sofisticado cujo gênio criativo não tem paralelos, Gaiman hipnotiza com sua alquimia literária e nos transporta para as profundezas de uma terra desconhecida em que o fantástico se torna real e o cotidiano resplandece. Repleto de estranheza e terror, surpresa e diversão, Alerta de risco é uma coletânea de contos de terror e de fantasmas, ficção científica e conto de fadas. Um tesouro que conquista a mente e agita o coração do leitor.

 

PAX, de Sara Pennypacker

pax_fundo
Peter e sua raposa, Pax, são inseparáveis desde que ele a resgatou, órfã, ainda filhote. Um dia, o inimaginável acontece: o pai do menino vai servir na guerra e o obriga a devolver Pax à natureza. Ao chegar à distante casa do avô, onde vai morar por um tempo, Peter reconhece que não está onde deveria: seu verdadeiro lugar é ao lado de Pax. Movido por amor, lealdade e culpa, ele parte em uma jornada solitária de quase quinhentos quilômetros para reencontrar sua raposa, apesar da guerra que se aproxima. Enquanto isso, mesmo sem desistir de esperar por seu menino, Pax embarca em suas próprias aventuras e descobertas.

 

Loney, de Andrew Michael Hurley

IMG_4668
Quando os restos mortais de uma criança são descobertos durante uma tempestade de inverno numa extensão da sombria costa da Inglaterra conhecida como Loney, Smith é obrigado a confrontar acontecimentos terríveis e misteriosos ocorridos quarenta anos antes, quando ainda era jovem e visitou o lugar. Com personagens ricos e idiossincráticos, um cenário sombrio e a sensação de ameaça constante, Loney é uma leitura perturbadora e impossível de largar, que conquistou crítica e público. Uma história de suspense e horror gótico, ricamente inspirada na criação católica do autor, no folclore e na agressiva paisagem do noroeste inglês.

testeIntrínseca na Bienal Internacional do Livro de São Paulo

 

GIFInsta_Atualizado

A Intrínseca chega à 24ª Bienal Internacional do Livro de São Paulo com uma programação intensa e repleta de atrações. Entre 26 de agosto e 4 de setembro, autores best-sellers internacionais, como o norte-americano Mac Barnett (Os Dois Terríveis), e nacionais, como Isabela Freitas (Não se apega, não e Não se iluda, não), vão movimentar os corredores do Pavilhão de Exposições Anhembi com palestras, bate-papos e sessões de autógrafos. Este ano oito escritores da casa participarão da feira literária, incluindo queridos do público, como a musa do jornalismo esportivo Fernanda Gentil (Gentil como a gente). Os leitores também encontrarão cerca de 400 títulos, com descontos entre 10% e 80% durante o evento, no estande da Intrínseca, que este ano ocupará uma área de 140 m².

No time dos internacionais, Mac Barnett vem à Bienal lançar Os Dois Terríveis ainda piores, segundo livro da série criada com Jory John, Os Dois Terríveis — ambos os títulos na lista de mais vendidos do The New York Times —, com sessão de autógrafos e palestra sobre a importância da ilustração na literatura infantil. Outra atração que a Intrínseca trará especialmente para o evento é a psicóloga norte-americana Becky Albertalli, autora do premiado romance Simon vs. a agenda Homo Sapiens. Ela participará de uma conversa sobre diversidade na literatura para jovens adultos, seguida por sessão de autógrafos.

Entre os destaques nacionais, os fenômenos da internet Viih Tube (Vitoria Moraes) e Isabela Freitas chegam para representar o público jovem. Com mais de 2 milhões de inscritos no seu canal do Youtube, Viih irá autografar seu livro Tudo tem uma primeira vez. Já Isabela, autora de Não se apega, não — livro que virou série no Fantástico já com uma segunda temporada confirmada, baseada na sequência Não se iluda, não, da Intrínseca. Ela participará de um bate-papo sobre realidade e fantasia na autoficção.

Outros nomes que marcam presença são os escritores Pedro Gabriel, do aclamado projeto Eu me chamo Antônio, e Clarice Freire, autora de Pó de lua. Ambos vão lançar e autografar seus novos trabalhos: Ilustre poesia e Pó de lua nas noites em claro, respectivamente. A jornalista Míriam Leitão completa a imperdível programação nessa Bienal com bate-papo sobre seu livro História do futuro: O horizonte do Brasil no século XXI, no Salão de Ideias.

 

Estande da Intrínseca na Bienal
Localização: F030
Horário de funcionamento:
De segunda à sexta, das 9h às 22h
Sábado e domingo, das 10h às 22h
4 de setembro, das 10h às 21h

 

Confira a programação completa:

Atenção: Informações sobre senhas no site da Bienal.

27/ago, sábado
Pedro Gabriel
15h – Autógrafos no Estande da Intrínseca | F030
Confirme sua presença no evento do Facebook

28/ago, domingo
Clarice Freire
15h – Autógrafos no Estande da Intrínseca | F030
Confirme sua presença no evento do Facebook

Viih Tube
14h às 16h – Autógrafos no Estande da Saraiva | D030/E030
Confirme sua presença no evento do Facebook

30/ago, terça-feira
Isabela Freitas
Palestra “A relação entre a realidade e a fantasia na autoficção”
Autógrafos dos livros Não se iluda, não e Não se apega, não
11h – Arena Cultural BNDES
Confirme sua presença no evento do Facebook

31/ago, quarta-feira
Fernanda Gentil
18h – Autógrafos no Estande da Intrínseca | F030
Confirme sua presença no evento do Facebook

1/set, quinta-feira
Mac Barnett
Palestra “A importância da ilustração na literatura infantil: a identificação das crianças com as imagens”
Autógrafos e lançamento do livro Os Dois Terríveis ainda piores
11h – Arena Cultural BNDES
Confirme sua presença no evento do Facebook

02/set, sexta-feira
Míriam Leitão

20h – Bate-papo no Salão Ideias: Lutas na ditadura e desafios na democracia
Autógrafos no Estande da Intrínseca | F030
Confirme sua presença no evento do Facebook

3/set, sábado
Encontro de blogueiros Intrínseca
Bate-papo sobre os lançamentos e assuntos referentes à blogosfera
9h – Sala Jacarandá Branco do Hotel Holiday Inn
Confirme sua presença no evento do Facebook
Para se inscrever, envie um e-mail com nome completo e nome do blog/site perfil para marketing@intrinseca.com.br. Assunto do e-mail: Encontro de blogueiros na Bienal SP

Becky Albertalli
Palestra “A diversidade na literatura para jovens adultos”
Autógrafos do livro Simon vs. a agenda Homo Sapiens
19h – Arena Cultural BNDES
Confirme sua presença no evento do Facebook

 

04/set, domingo
Becky Albertalli
Autógrafos do livro Simon vs. a agenda Homo Sapiens
12h –Estande da Intrínseca | F030

testeDigite 2

Gentil_Blog_Digite22

Era uma sexta-feira. Eu viajaria naquele mesmo dia, mas chegaria ao hotel já tarde da noite. Quis, então, ligar para confirmar a reserva e avisar do meu “atraso”.

 

Liguei.

 

A gravação de voz me mandou digitar “2 para a recepção”.

 

Digitei.

 

Tocou.

 

E atenderam. 

 

A partir daí preciso compartilhar com vocês:

 

— Olá, boa noite. Com quem falo? Tudo bem? Seja bem-vindo. Como posso ajudar?

 

— Oi, boa noite. Fernanda. Tudo bem, e você? Obrigada. Queria só dizer que estou com uma reserva para hoje mas vou chegar mais tarde, só para saber se você vai estar aí…

 

— Esquiar? 

 

— Nanão, ESTAR. 

 

— Insta?!?

 

— ES-TAR!

 

— Spa? 

 

— EEESSSSTTT…

 

— Vou passar, aguarde.

 

Trilha-irritante-de-transferência.

 

— Spa, boa noite.

 

— Oi, houve um engano. Eu queria confirmar minha reserva, e…

 

— É com a recepção, senhora. Digite 2 na gravação de voz.

 

— Eu digitei! E o cara da recepção me mandou pro Spa!

 

— Isso, aqui é o Spa.

 

— Eu sei. Eu quero falar com a recepção!

 

— A senhora tem que digitar o 2 quando a gravação…

 

— VOCÊ PODE ME PASSAR DE VOLTA PARA A RECEPÇÃO, POR FAVOR???

 

— Aqui é o Spa, senhora. O Spa não transfere, é um conceito da casa para ajudar a relax…

 

Desliguei. 

 

Liguei de novo.

 

A gravação de voz me mandou digitar “2 para a recepção”. 

 

Digitei.

 

Tocou.

 

E atenderam. 

 

— Olá, boa noite. Com quem falo? Tudo bem? Seja bem-vindo. Como posso ajudar?

 

— Oi, boa noite pra quem? Fernanda. Nada bem, e você? Obrigada. Eu liguei ainda agora pra falar da minha reserva de hoj…

 

— Nosso horário de reserva é de segunda a sexta de sete da manh…

 

— AMIGO!!!!! EU JÁ RESERVEI!!!! ESTOU INDO HOJE!!!!! QUERO AVISAR QUE VOU CHEGAR MAIS TARDE E SÓ CONFIRMAR SE ESTÁ TUDO BEM COM A MINHA RESERVA PELO AMOR DE DEUS ESTOU INDO VIAJAR COM DUAS CRIANÇAS E PRECISO SABER SE VOU TER PROBLEMAS QUANDO CHEGAR OU SE TUDO FOI CONFIRMADO E MEU QUARTO FOI RESERVADO DIREITINHO NÃO ME PASSE PARA NENHUM RAMAL É COM VOCÊ QUE EU PRECISO FALAR NÃO TRANSFIRA A LIGAÇÃO AUTOMATICAMENTE ASSIM QUE VOCÊ OUVIR UMA PALAVRA APENAS PARA SE LIVRAR DA QUESTÃO, VOCÊ TEM QUE RESOLVER PRA MIM EU PRECISO SÓ SABER SE TÁ TUDO CERTO COM A MINHA RESERVA, TÁ OU NÃO ESTÁ?!?!?!?

 

— Spa?