teste5 dicas para alcançar o sucesso profissional

Em um mundo com tanta informação, culturas corporativas, modos de agir e pessoas com as vivências mais diversas, é complicado se situar e saber como se portar. Ray Dalio, conhecido como o “Steve Jobs dos investimentos”, é fundador da Bridgewater Associates, a mais eficaz gestora de fundos hedge do mundo. Desenvolvidos por ele ao longo de 40 anos, seus princípios de vida e de trabalho nortearam o caminho que o levou a se tornar um dos grandes investidores e empresários de nosso tempo.

Em uma edição luxuosa, com páginas coloridas e capa dura, o livro Princípios é imperdível. Diferente de todas as obras publicadas sobre o meio dos negócios, Princípios oferece ao leitor uma abordagem clara e direta, que pode ser aplicada por qualquer um, não importa qual seja o objetivo.

Inspirados pelas técnicas de Ray Dalio, criamos uma lista com cinco exemplos de princípios que podem ajudar você a ter uma vida profissional muito melhor:

 

  1. Escolha pela credibilidade

Ao ponderar ideias e opiniões para chegar a uma decisão, avalie a credibilidade daqueles que opinam. É importante levar em consideração o perfil de cada um, o grau de experiência, suas habilidades e fraquezas, além do conhecimento sobre o assunto ou área em questão.

 

  1. Tente entender o raciocínio das pessoas que discordam de você

É fundamental estar aberto a discordâncias e sobretudo tentar entender o modo de pensar daqueles que divergem de você. Ao fazer isso, além de eliminar qualquer traço de disputa pessoal e valorizar a contribuição de cada um, você abre a possibilidade de ver os pontos fracos do seu raciocínio e mudar de ideia, fazer adaptações ou até abrir a sua mente para alternativas melhores ou interessantes.

 

  1. Faça avaliações precisas

No ambiente de trabalho, dar feedbacks é uma situação bem delicada. Por isso, seja o mais preciso possível. Nesse momento, não avalie se elas estão desempenhando suas funções do jeito que você quer, mas se elas as estão desempenhando bem. Fale com sinceridade e objetividade e mantenha a mente aberta para ouvir o outro lado — lembre-se de que você pode estar equivocado.

 

  1. Mostre seu lado feio aos candidatos a vagas na sua empresa

Durante o processo de contratação, passe aos candidatos o quadro real de como a empresa e a função a ser desempenhada são, principalmente os aspectos negativos. Deixe claro quais são os princípios que norteiam a corporação, sobretudo os mais árduos. Assim você submete os interessados na vaga a um teste de estresse que avalia a disposição deles a encarar os desafios reais.

 

  1. Nunca diga sobre alguém algo que você não falaria na cara

Há uma diferença enorme entre a crítica, que pode ser construtiva, e o falar mal pelas costas, que é contraproducente e desestabiliza tanto quem é denegrido quanto o ambiente como um todo. É fundamental que os gerentes não falem dos subordinados na ausência destes.

 

Conheça mais sobre as dicas e técnicas de Ray Dalio no livro.

 

teste5 dicas de vida de um dos maiores empreendedores do planeta

Em um mundo com tanta informação, culturas corporativas, modos de agir e pessoas com as vivências mais diversas, é complicado se situar e saber como se portar. Ray Dalio, conhecido como o “Steve Jobs dos investimentos”, é fundador da Bridgewater Associates, a mais eficaz gestora de fundos hedge do mundo. Desenvolvidos por ele ao longo de 40 anos, seus princípios de vida e de trabalho nortearam o caminho que o levou a se tornar um dos grandes investidores e empresários de nosso tempo.

Em uma edição luxuosa, com páginas coloridas e capa dura, o livro Princípios é imperdível. Diferente de todas as obras publicadas sobre o meio dos negócios, Princípios oferece ao leitor uma abordagem clara e direta, que pode ser aplicada por qualquer um, não importa qual seja o objetivo.

Inspirados pelas técnicas de Ray Dalio, criamos uma lista com cinco exemplos de princípios que podem ajudar você a ter uma vida pessoal muito melhor:

 

  1. Dor + Reflexão = Progresso

Acredite, você pode se considerar sortudo por experimentar momentos de dor se abordá-los da maneira certa: a dor é um sinal de que você precisa encontrar soluções para progredir. Ao desenvolvermos uma reflexão em relação à dor psíquica e meditarmos a respeito dela em vez de evitá-la, teremos como resposta rápida uma aprendizagem/evolução.

 

  1. Seja radicalmente transparente e tenha a mente aberta

Quanto mais mente aberta é o indivíduo, menos chances ele tem de cair no autoengano — e mais chances tem de receber feedbacks sinceros e aprender com eles. Por sua vez, a transparência radical, em vez da usual cautela, expõe a pessoa a críticas. Mas sem transparência radical também não há aprendizado.

 

  1. Identifique e não tolere os problemas

Todo problema que você encontra é uma oportunidade; por isso é essencial trazê-los para a superfície. A maioria das pessoas não gosta de fazer isso; no entanto, as pessoas bem-sucedidas sabem que é necessário.

 

  1. Simplifique!

Livre-se dos detalhes irrelevantes para deixar claro quais são os aspectos essenciais e as relações entre eles. Como diz o ditado, “qualquer tolo pode fazer algo de modo complexo. É preciso ser um gênio para simplificar”.

 

  1. Use princípios

Fazer uso de princípios é um modo de simplificar e ao mesmo tempo aprimorar seu processo decisório. O uso de princípios reduzirá enormemente o número de decisões a serem tomadas e o levará a tomá-las de modo muito mais eficiente.

 

Conheça mais sobre as dicas e técnicas de Ray Dalio no livro:

 

testeO carnaval é pop! Confira nossas ideias de fantasias

O carnaval começa amanhã e para quem ainda não pensou na fantasia perfeita, separamos algumas ideias inspiradas em filmes, séries, livros, e no melhor país do mundo: a internet! Esses assuntos rendem fantasias muito criativas, práticas e, principalmente, divertidas!

La Casa de Papel

Novo fenômeno da Netflix, La casa de papel é uma série estilo novelão que prende a atenção desde o primeiro episódio. A trama gira em torno de assaltantes ousados que invadem a Casa da Moeda, na Espanha. Eles se escondem por trás de máscaras do Salvador Dalí e um macacão vermelho. Rende uma fantasia de grupo incrível!

 

Eleven

Muito querida pelo público (e muito mulherona da p*rra mesmo), todo mundo usou vestidinho com jaqueta e peruca loira da Eleven quando Stranger things estreou, lá em 2016. Com a segunda temporada da série, surgiram mais opções de looks. Um deles é a versão punk: calça jeans, botas (coturnos), uma jaqueta preta e muito gel no cabelo. E lembrem que amigos não mentem.

 

Me chame pelo seu nome

Esse livro e esse filme já se consagraram como um ícone. E a fantasia é muito simples: um amigo, uma camisa listrada, florida, ou bem verão e, claro, o famigerado pêssego. Para conhecer o livro clica aqui!

 

Vai, Malandra

Tem fita isolante e um shortinho? Pronto, já pode ir para as ruas no melhor estilo Vai, malandra, o clipe sensacional da Anitta que já alcançou mais de 185 milhões de visualizações no YouTube (Caramba!). Promete ser “o” hit do carnaval.

 

Choque de cultura

(Reprodução Buzzfeed)

Achou que não ia ter fantasia do Choque de Cultura? Achou errado, OTÁRIO! Essa ideia é ótima para sair em grupo e não precisa gastar (quase) nada. É só ir lá no armário do seu pai, avô, tio, ou qualquer conhecido que ainda tenha roupas com um clima bem anos 70, 80 e 90. Lança um bigode, junta uns amigos da zoeira e você tem o seu próprio rolê carnavalesco do Choque de cultura.

 

“Bitch” coin

A moeda do momento já rendeu algumas fantasias bem espirituosas. Essa da foto faz um trocadilho com a palavra “bit”. É simples também: capriche no dourado e faça um arco de moedas. 

 

Valentina e Enzo

Dois jovens geniais vestiram – literalmente – esse maravilhoso meme brincando com os nomes da moda. E o melhor de tudo: uma das fantasias mais fáceis para montar! Arrasaram.

 

Sereia

O sereismo continua ocupando as ruas em formatos diversos. Vale investir em qualquer item que remeta a um clima aquático: conchas, pérolas, estrelas do mar, cauda de sereia, escamas. As cores costumam ser azul, verde, branco, rosa-claro etc. Mergulhe nessa ideia e solte a imaginação! Que tal pegar uma inspiração com A forma da água?

 

Na completa falta de tempo, fica essa ideia de fantasia literária auto-explicativa. Bom carnaval a todos!

testeAlcance suas metas: uma lista de livros para você começar 2018 inspirado

Fim de ano é o momento de avaliar o que foi realizado, o que ficou pendente, o que foi abandonado e o que será levado para os próximos 365 dias.

Talvez surja aquela crise: “meu deus, não fiz nada do que queria”. A correria do dia a dia, os boletos, os compromissos e até o medo da mudança adiam a realização de um projeto, e, muitas vezes, nossos objetivos ficam empacados, num canto empoeirado da rotina.

Mas 2018 está logo ali e não há tempo a perder! Para ajudar na missão de concretizar os sonhos que ficaram em stand-by, sejam os mais mirabolantes ou os mais simples, profissionais ou pessoais, criamos uma lista de livros que vão tirar seus planos da imaginação e coloca-los em prática. Confira!

1) Para inspirar: Elon Musk e Ted Talks 

As mentes empreendedoras e visionárias são sempre uma inspiração. Aqueles que ousam arriscar e ir além do óbvio cedo ou tarde obtêm êxito. Dois exemplos são Elon Musk – “o Homem de Ferro da vida real” – e Chris Anderson, presidente e co-fundador do TED.

Para grande parte da elite corporativa e do Vale do Silício, Musk é uma mistura de Steve Jobs e Bill Gates: um empresário audacioso que está construindo um império. Entre suas próximas metas está colonizar Marte. Isso mesmo.

Na biografia Elon Musk, o experiente jornalista Ashlee Vance apresenta um olhar inédito sobre a vida e as realizações inacreditáveis desse homem audacioso, com relatos exclusivos e depoimentos do próprio Musk. Vance escreve sobre a jornada do empresário desde sua infância na África do Sul até a ascensão ao topo do mundo corporativo. A obra foi indicada a Livro do Ano do Financial Times em 2015.

TED Talks é o manual definitivo para quem deseja apresentar suas ideias e projetos de forma clara para um público desafiador. Desde que assumiu o comando do TED em 2001, Anderson tem mostrado o poder que as palestras curtas e diretas têm de compartilhar conhecimento, despertar empatia, gerar empolgação e promover sonhos. Nos bastidores, ele acompanhou de perto palestras individuais sobre os mais variados temas, de personagens que vão de Bill Gates a Bono Vox, entre outros. No livro, Anderson compartilha seus insights mais relevantes, que cobrem desde a formulação do conteúdo da conferência até como tirar melhor proveito do palco.

2) Fique por dentro do cenário: As upstarts e Como o Google funciona

Para colocar uma ideia no mundo, é preciso saber o que está acontecendo. Em As upstarts: Como a Uber, o Airbnb e as killer companies do novo Vale do Silício estão mudando o mundo, Brad Stone conta a história da Uber e do Airbnb, duas empresas gigantes que se tornaram um fenômeno e mudaram o mundo em que vivemos em menos de dez anos. Com detalhes dos bastidores, perfil dos fundadores e uma análise profunda sobre o impacto dessas companhias, As upstarts foi considerado um dos melhores livros do ano pela Amazon. Curiosamente, Stone também escreveu sobre esse gigante do comércio digital – a Amazon –, no livro A loja de tudo.

Ainda no universo digital, Como o Google funciona, livro de Eric Schmidt e Jonathan Rosenberg, reúne as valiosas lições que transformaram o Google em uma das maiores empresas do mundo. A partir da história e de curiosidades do dia a dia da start-up, eles mostram o caminho para que gestores e empreendedores abracem o espírito de inovação, atraiam e mantenham talentos em suas equipes.

3) Colocando em prática: Sprint: O método usado no Google para testar e aplicar novas ideias em apenas cinco dias

Depois de se inspirar nas mentes brilhantes e conhecer melhor os cenários disponíveis, chegou o momento de tirar sua ideia do papel e colocá-la em prática. Para saber se um projeto inovador funciona ou não, é fundamental testá-lo. E nesse caso, nada melhor do que o método Sprint, um processo de trabalho fácil de entender e aplicar, criado pelo designer Jake Knapp na época em que ele trabalhava na Google.

Basicamente, consiste em desenvolver e testar uma nova ideia, produto ou modelo de negócio em apenas cinco dias. O método serve para equipes de todos os tamanhos, e pode ser utilizado por qualquer um que tenha uma grande oportunidade e queira desenvolver ideias, novos produtos ou negócios.

E aí, vamos nessa?!

teste17 livros para conhecer na Bienal do Livro Rio

A Bienal do Livro Rio é o maior evento literário do país e começa nesta quinta-feira. São muitos autores, encontros, sessões de autógrafos, marcadores, momentos inesquecíveis e, claro, livros com desconto!

Para ajudar os leitores que estarão por lá, selecionamos alguns títulos muito legais para diferentes estilos:

Para quem gosta de livros com histórias românticas:

Amor & Gelato — Paixões, segredos e um verão inesquecível na Itália! Essa é a trama do romance de estreia de Jenna Evans Welch.

Depois da morte da mãe, Lina tem que realizar um último pedido: ir até a Itália para conhecer o seu pai. Do dia para a noite, ela se vê na encantadora paisagem da Toscana, passeando pelos famosos pontos turísticos que no passado marcaram a juventude da mãe. Guiada por um antigo diário, Lina agora vai construir a própria história, descobrir o amor e aprender a lidar com o luto.

 

Os 27 crushes de Molly — De Becky Albertalli, autora de Simon vs. a agenda Homo sapiens, que participou da Bienal do Livro de São Paulo no ano passado.

O livro conta a história de Molly, uma garota que já viveu muitas paixões, mas só dentro da própria cabeça. Aos 17 anos, ela acumulou vinte e seis crushes. Embora sua irmã gêmea, Cassie, viva dizendo que Molly precisa ser mais corajosa, a garota não consegue suportar a ideia de levar um fora. Então, age com muito cuidado. Para ela, garotas gordas sempre têm que ser cautelosas. 

Box de Para todos os garotos que já amei — Vamos lançar o box da trilogia completa de Jenny Han, autora que participa do evento em 2 de setembro.

O box inclui os três livros e um pôster exclusivo autografado para os fãs brasileiros.

Para todos os garotos que já amei conta a história de Lara Jean, uma garota romântica, descendente de coreanos, apaixonada por doces e que gosta de escrever cartas secretas para suas paixões. 

Lara Jean não tem coragem de se declarar e prefere manter essas cartas em segredo. Porém, um dia, elas são enviadas misteriosamente para os destinatários e agora todos vão saber o que ela sempre tentou esconder.

 

Em busca de abrigo — O romance de estreia de Jojo Moyes conta a história de três mulheres que precisam lidar com a quebra de laços familiares aparentemente indestrutíveis.

Joy mora numa mansão fria no sul da Irlanda com seu marido, cuja saúde está se deteriorando depressa. Kate e Sabine, respectivamente filha e neta de Joy, moram no subúrbio da Inglaterra e têm uma relação conturbada. Quando as três mulheres finalmente se reencontram há conflito entre amor e obrigação, mães e filhas e diferentes escolhas de vida.

 

Para quem gosta de bons livros com MUITO desconto:

Teremos muitos livros com preços especiais na Bienal, mas selecionamos alguns títulos que você não pode deixar de conhecer!

Mosquitolândia — Após o inesperado divórcio dos pais, Mim Malone é arrastada de sua casa em Ohio para morar com o pai e a madrasta no árido Mississippi. Para fugir dessa nova vida e buscar seu verdadeiro lugar, o lar de sua mãe, ela embarca em um ônibus e encontra companheiros de viagem muito interessantes pelo caminho, numa odisseia contemporânea tão hilária quanto emocionante.

 

Perdão, Leonard Peacock — O livro de Matthew Quick, autor que já participou da Bienal em 2013, narra o drama de um estudante que planeja assassinar seu ex-melhor amigo para depois se matar com a arma que pertenceu ao avô no dia do seu aniversário. Antes, no entanto, ele pretende entregar três presentes para três pessoas que lhe são importantes.

 

A visita cruel do tempoNa obra vencedora do Pulitzer, do National Book Critics Circle Award e do LA Times Book Prize no ano de 2011, Jennifer Egan combina diferentes pontos de vista sobre histórias que se entrelaçam de maneiras inesperadas. 

Bennie Salazar é um executivo da indústria fonográfica. Sasha é sua assistente cleptomaníaca. E é a partir da história desses dois personagens que a autora retrata, em uma narrativa caleidoscópica, a passagem do tempo e a transformação das relações. Da São Francisco dos anos 1970 até a Nova York de um futuro próximo, Jennifer Egan cria um romance de estilo ímpar sobre continuidade e rupturas, memória e expectativas.

 

Para quem gosta de romances jovens bem construídos e inesquecíveis:

Enquanto o novo livro de John Green, Tartarugas até lá embaixo, não chega às livrarias, indicamos A culpa é das estrelas e Quem é você, Alasca?, que também estarão com desconto especial no nosso estande! É uma oportunidade de conhecer duas das mais importantes obras do autor.

 

Para quem gosta de livros nerds e geeks:

Geekerela — O divertido romance de Ashley Poston  traz a clássica história da Cinderela para os dias atuais e aborda temas como internet, independência da mulher, indústria do cinema e cultura nerd.

Quando Elle, nerd de carteirinha, descobre que sua série favorita vai ganhar um remake hollywoodiano, ela fica dividida. Antes de morrer, o pai lhe transmitiu a paixão por aquele verdadeiro clássico da ficção científica, e agora ela não quer que suas lembranças sejam arruinadas por astros pop e fãs que nunca ouviram falar da série.

 

Deuses americanos — A obra de Neil Gaiman já foi adaptada para a TV e é um dos livros mais comentados desde então!

O livro acompanha Shadow Moon, que passou quase três anos na cadeia contando os dias para voltar para casa. Pouco antes do fim da pena, ele fica sem rumo na vida ao descobrir que a esposa faleceu em um acidente.

Após o velório, ele conhece o sr. Wednesday — um homem com olhar enigmático e sempre com um sorriso insolente no rosto  —, que  lhe oferece um emprego. É na nova função que Shadow começa a desvendar a real identidade do chefe e a se dar conta de que os Estados Unidos, ao receberem pessoas de todos os cantos do mundo, também se tornaram a morada de deuses dos mais variados panteões.

 

Para quem gosta de mistérios e de narrativas com muitas reviravoltas:

Por trás de seus olhos — Esse é o tipo de livro que não podemos falar muito porque existe um grande risco de soltar um spoiler, mas podemos garantir que você precisa conhecê-lo durante a Bienal.

Um suspense com personagens escorregadios e um desfecho imprevisível e perturbador.

 

Até que a culpa nos separe — Novo romance de Liane Moriarty, autora de Pequenas grandes mentiras e O segredo do meu marido.

A história começa com um convite inesperado para um churrasco de domingo em Sydney, na Austrália. Três famílias resolvem passar uma tarde tranquila em uma bela casa sem imaginar como suas vidas mudariam para sempre a partir daquele dia.

Sem conhecer direito os anfitriões, Clementine, uma mulher casada e com duas filhas, acompanha a amiga de infância, Erika, quando um episódio assustador acontece no evento.

 

Para quem gosta de livros com personagens cativantes e mensagens importantes:

Fantasma — Se você estiver procurando um livro rápido, que pareça com uma série na Netflix e ao mesmo tempo fale sobre temas como bullying, representatividade e preconceito de uma forma sensível, não pode deixar de conhecer a obra de Jason Reynolds!

Fantasma é um garoto que sempre soube que correr era o seu forte, mas nunca levou a atividade muito a sério. Até que, certo dia, ele disputa uma corrida contra um dos melhores atletas de uma equipe que está treinando na pista de atletismo do parque. E vence. O treinador quer que ele entre para a equipe de qualquer jeito. O problema é que Fantasma tem muita raiva dentro de si e também um passado que tenta desesperadamente deixar para trás.

 

Extraordinário — Não tem como fazer uma lista sobre a Bienal e não incluir Extraordinário. O filme inspirado no livro estreia em novembro, e tem muita gente que ainda não se encantou (e chorou) com Auggie.

Extraordinário conta a história de Auggie Pullman, um garoto que tem uma deformidade facial e enfrenta o grande desafio de frequentar a escola pela primeira vez. Com momentos comoventes e outros descontraídos, o livro consegue captar o impacto que um menino pode causar na vida e no comportamento de todos a seu redor: família, amigos e comunidade.

 

Apenas uma garota — Uma história sobre aceitação e as primeiras experiências de uma adolescente trans!

Prestes a entrar na vida adulta, Amanda Hardy acabou de mudar de cidade, mas a verdadeira mudança de sua vida vai ser encarar algo muito mais importante: a afirmação de sua identidade. Tudo que ela mais quer é viver como qualquer outra garota. E, embora acredite firmemente que toda mudança traz a promessa de um recomeço, ainda não se sente livre para criar laços afetivos.

 

Para quem gosta de thriller psicológico:

Piano vermelhoO novo livro de Josh Malerman, autor que foi destaque na Bienal em 2015 com Caixa de pássaros, nos deixa com medo e assustados o tempo todo!

Escute o áudio e conheça a história:

 

Para quem curte mitologia:

Hotel Valhala: Guia dos mundos nórdicos — Com dados importantes, entrevistas exclusivas e muitas reflexões, o guia foi pensado para ajudar o guerreiro viking recém-chegado ao Hotel Valhala a começar o treinamento para o Ragnarök com o pé direito, evitando qualquer constrangimento desnecessário na pós-vida viking. 

 

Estande da Intrínseca na Bienal
Endereço: Pavilhão Azul (3) entre a rua E e a rua F
Horário de funcionamento:
31 de agosto: 13h às 22h
7 de setembro (feriado): 10h às 22h
Durante a semana: 9h às 22h
Finais de semana: 10h às 22h
Confira o mapa