Notícias

Continuação de M, o filho do século explora a aliança entre o fascismo e a Igreja

10 / julho / 2020

Novo livro de Antonio Scurati foca os anos centrais do regime fascista e investiga a atuação da Igreja no governo de Mussolini

Primeiro volume de uma trilogia, M, o filho do século já vendeu mais de 10 mil exemplares no Brasil e ganhará uma continuação em breve. M, L’Uomo della Provvidenza, dá prosseguimento ao relato da trajetória de vida e política de Benito Mussolini, agora com enfoque no período de consolidação do regime fascista na Itália.

Abordando o período de 1925 a 1932, Antonio Scurati mostrará as consequências das leis fascistas que desmantelaram o Estado italiano até o aniversário de 10 anos da Marcha sobre Roma. Permeando aspectos da vida social, política e espiritual do país, a obra abordará os anos centrais do fascismo e a importância de sua aliança com a Igreja católica.

A expressão “Homem da providência”, que dá título à edição original do livro, vem das declarações do alto clero e do papa Pio XI ao se referirem a Mussolini. O ditador foi o principal responsável pelo acordo que transformou o Vaticano em um Estado independente após assinar o Tratado de Latrão. Por esse feito, ele recebeu das mãos do papa a Ordem da Espora de Ouro, a mais alta distinção concedida pelo Vaticano. A relação entre a Santa Fé e o líder fascista também foi explorada em O papa e Mussolini, de David I. Kertzer, biografia ganhadora do Pulitzer em 2015 e publicada pela Intrínseca em 2017.

Ainda sem título em português, M, L’Uomo della Provvidenza, será publicado em setembro na Itália e ainda não tem previsão de lançamento no Brasil.


Saiba mais sobre os livros

Leia mais Notícias

Pio XI e Mussolini: fé no poder

Pio XI e Mussolini: fé no poder

As origens do fascismo: violência, descontentamento e medo

As origens do fascismo: violência, descontentamento e medo

Se alguém vive terminando com você, isso é amor?

Se alguém vive terminando com você, isso é amor?

Escolhida a atriz que será Kya Clark na adaptação de Um lugar bem longe daqui

Escolhida a atriz que será Kya Clark na adaptação de Um lugar bem longe daqui

Comentários

Uma resposta para “Continuação de M, o filho do século explora a aliança entre o fascismo e a Igreja

  1. Estava aguardando este lançamento,gosto demais dos livros desta editora,sempre com obras bem detalhadas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *