Listas

Bagulhos sinistros: cinco curiosidades sobre Stranger Things

30 / abril / 2020

Todo fã de Stranger Things sabe que amigos não mentem e que manhãs são para café e contemplação, né? O que nem todo mundo sabe é que no início a série tinha outro nome, não se passava em Hawkins e foi rejeitada inúmeras vezes antes de se tornar o sucesso que conhecemos hoje. Quer saber mais curiosidades como essas? Então se liga na nossa lista!

 

[Atenção: esse texto contém spoilers sobre a série]

 

Uma sequência de rejeições

É estranho pensar que uma série que atingiu cerca de 25 milhões de telespectadores norte-americanos só no final de semana de estreia da terceira temporada tenha quase sido cancelada antes mesmo de começar, mas foi isso mesmo que aconteceu. Matt e Ross Duffer, os criadores de Stranger Things, contaram que o projeto foi rejeitado por quase vinte emissoras antes de cair nas graças da Netflix.

Entre os motivos usados para justificar tamanha rejeição, está a decisão de ter cinco protagonistas crianças, quando a atração na verdade não é para o público infantil. Até tentaram fazer com que os Duffer focassem somente no núcleo adulto, mas eles acharam que perderiam o que o programa tinha de mais legal. Ainda bem que eles não mudaram de ideia!

 

Em busca do elenco perfeito

Por falar nas crianças, o processo para encontrar o elenco infantil perfeito foi bem difícil! Mais de 900 meninos fizeram testes para os papéis de Mike, Dustin, Lucas e Will. Já para interpretar a inesquecível Eleven (também chamada de Onze), foram avaliadas 307 meninas.

Nos testes, eles usaram muitas cenas falsas, que nem estavam no roteiro final da série, além de falas do longa Conta comigo (1986), que é uma grande inspiração para a produção.

 

O fim da Eleven

Tudo indicava que a Eleven só sobreviveria por uma temporada. A ideia inicial dos irmãos Duffer era que Stranger Things se chamasse Montauk (nome inspirado na cidade palco de uma das teorias da conspiração mais bizarras dos Estados Unidos) e fosse uma minissérie, isto é, tivesse um número limitado de episódios.

Ao apresentarem o projeto para a Netflix, o serviço de streaming achou que o sacrifício da personagem no oitavo episódio não era motivo suficiente para nos despedirmos dela e de Hawkins. Por isso, eles resolveram prosseguir com a história, fazendo a alegria dos fãs!

 

Papo cabelo

Quando pensamos na década de 1980, é impossível não se lembrar daqueles cabelões cheios de laquê, dos cortes mullet e dos permanentes que faziam a cabeça da galera. Inclusive, pode não parecer, mas cabelo é um assunto bem importante na série!

Desde a cabeça raspada da Eleven até o famoso penteado de Steve Harrington, os cabeleireiros e visagistas de Hawkins têm feito um trabalho incrível. Uma curiosidade bem inesperada é que na segunda temporada foram usadas cerca de 150 perucas e vários apliques. Fique de olho na cabeleira do Hopper (dica: é falsa) e no corte “cuia” do Will!

 

Segurança máxima

Se tornar um fenômeno mundial foi uma grande surpresa para os responsáveis por Stranger Things. O que na primeira temporada era uma produção bem pequena e quase independente acabou se tornando um dos maiores sucessos dos últimos tempos, e com isso eles tiveram que redobrar o cuidado durante as filmagens, para evitar o vazamento de informações.

Shawn Levy, um dos produtores, revelou que eles tiveram que criar nomes falsos caso alguém perguntasse o que estava sendo gravado e até destruir páginas do roteiro antes dele ir para o lixo (assim, se alguém vasculhasse, não teria acesso aos acontecimentos da série).

 

Agora, se você quer descobrir segredos que não foram revelados nem na série, é melhor correr para ler Cidade nas trevas e Raízes do mal. Ambos fazem parte do universo oficial de Stranger Things e revelam histórias inéditas sobre alguns dos nossos personagens favoritos, Jim Hopper e Eleven. Ficou com vontade de saber mais? Então garanta os seus livros agora 😉


Saiba mais sobre os livros

Leia mais Listas

Melhores adaptações de livros para a TV e o cinema

Melhores adaptações de livros para a TV e o cinema

Quatro casos reais que inspiraram Stranger Things

Quatro casos reais que inspiraram Stranger Things

5 livros com personagens em isolamento

5 livros com personagens em isolamento

O que esperar da série de Pequenos incêndios por toda parte

O que esperar da série de Pequenos incêndios por toda parte

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *