Bastidores

A calça jeans teste

9 / outubro / 2015

Por Vanessa Mello*

teste

Eu estava de malas prontas para viajar para Buenos Aires com as minhas amigas em junho de 2011. Na lista de coisas para comprar: alfajor, vinho, doce de leite e uma calça jeans Levi’s 572. Estava procurando esse modelo havia alguns meses e tinha certeza de que essa peça tão desejada seria minha companheira por um longo tempo.

A 572 caiu perfeitamente no meu corpo. Era confortável, combinava com tudo e, o principal, era 36! Naquele tempo, era uma alegria poder comprar uma peça nesse tamanho. Foram meses de preparação (leia-se: dieta) para voltar a vestir o número queridinho da maioria das mulheres. Por isso, essa calça tornou-se uma referência no armário, e nunca mais saiu de lá!

Você deve estar se perguntando por que estou escrevendo sobre esse blá-blá-blá de calça jeans. Mas tenho certeza de que vai entender depois de ler A mulher perfeita é uma vaca. Eu me lembrei da peça enquanto lia o livro das gêmeas Anne-Sophie e Marie-Aldine Girard.

Capa_mulherperfeitavaca_MAINNa obra, as autoras explicam o que é uma calça jeans teste. Se você não tem uma, deve conhecer alguma amiga que guarda um jeans bem escondidinho no armário. A calça jeans teste é aquela peça que experimentamos de tempos em tempos para verificar se engordamos demais.

Às vezes, ela nem cabe mais em você. Mas permanece lá, guardada, na esperança de um dia voltar à ativa. É uma espécie de balança, só que muito mais real! Afinal, você sabe exatamente como aquela calça vestia em você. Não há maneira melhor para descobrir se emagracemos ou não.

Com muito bom humor e ironia, Anne-Sophie e Marie-Aldine mostram que não tem problema manter uma calça jeans teste no guarda-roupa: o problema é não aceitar que o nosso corpo (e gosto) pode mudar.

Mulheres normais engordam e mudam de tamanho ao longo dos anos. Faz parte. Talvez eu demore um pouco para tirar a minha 572 do armário ou talvez volte a vesti-la em algum momento. Vai saber…

Você tem uma calça jeans teste? Com que situação você  mais se identifica?

“Que alegria imensa! Que vitória quando conseguimos fechar nosso velho Levi’s!”

 Frase a ser repetida para levantar o ânimo em caso de fracasso:

“É normal! É verão, e no calor a gente retém mais líquido.”

 Se um dia você não conseguir fazer a calça passar nem pelas coxas, diga:

“Não estou nem aí! Aliás, ninguém mais usa esse modelo hoje em dia.”

link-externo

 Leia também Para de sentir culpa: a mulher perfeita não existe
Lista de músicas vergonhosas, mas que amamos mesmo assim

*Vanessa Mello é analista de mídias sociais no departamento de Marketing. Ama Nutella, praia, histórias emocionantes e viagens. E se considera uma mulher sem culpa depois de ler A mulher perfeita é uma vaca.

 

Tags , , , , , .

Leia mais Bastidores

Pare de sentir culpa: a mulher perfeita não existe

Pare de sentir culpa: a mulher perfeita não existe

Lista de músicas vergonhosas, mas que amamos mesmo assim

Lista de músicas vergonhosas, mas que amamos mesmo assim

As novidades quentíssimas que você encontrará em “Livre”

As novidades quentíssimas que você encontrará em “Livre”

Como a saga Crepúsculo marcou a minha vida

Como a saga Crepúsculo marcou a minha vida

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *