Acabou, e aí?

Por Isabela Freitas

3 / junho / 2015

500-dias-com-ela

Acabou, e ai? Você vai mudar o cabelo? Mudar de vida? Vai apagar todas as lembranças com o botão DELETE e esquecer o passado? Sabe, me incomoda um pouco essa ideia de que para terminar um relacionamento devemos mudar tudo completamente, do dia para a noite. Peraí, calma lá! Somos os mesmos: eu e você. Apenas seguimos caminhos diferentes. Certo?

Para que se descabelar, desferir palavras pejorativas ao outro, queimar as fotos em uma fogueira e empregar ódio para se referir ao passado? O seu passado faz parte da sua história. As pessoas que você deixou para trás, bem, elas também. Foram elas que formaram quem você é hoje. Se o Marcos, aquele seu paquerinha da 4ª série, não tivesse beijado a Teresa na sua frente, talvez hoje em dia você se iludisse mais facilmente. Se o Tulio não tivesse terminado com você em pleno Dia dos Namorados e feito você chorar por 21 dias seguidos, talvez você não conseguisse sair com um sorriso no rosto após terminar um relacionamento. Se o Jonas não tivesse dito que te amava, talvez você nunca soubesse o que é o amor.

Relacionamentos têm início, meio e fim. Não se enganem. Vocês irão se separar um dia, nem que seja pela morte. Fazer o quê. Mas isso não deveria ser o fim do mundo. Não deveria ser tratado como um assunto proibido. Dizer que você terminou um relacionamento em uma mesa de bar causa o mesmo efeito que contar que seu tio morreu atropelado por um ônibus. Choca.

A vida acontece, dá muitas voltas e nós precisamos nos adaptar. Uns precisam pegar o caminho da direita, outros o da esquerda, outros o trem das nove, alguns poucos o trem das dez. Encontros, desencontros. Somos feitos disso. Devemos estar preparados para isso.

Adeus. Até mais.

Tags , , .

Isabela Freitas é autora de Não se iluda, não e de Não se apega, não, o primeiro livro jovem nacional da Intrínseca. Em 2011, começou seu blog, que já soma mais de 130 milhões de visualizações. Estudante de Direito, pretende cursar Jornalismo um dia. Mora com os pais em Juiz de Fora (MG), onde nasceu.

VER TODAS AS COLUNAS

Comentários

18 Respostas para “Acabou, e aí?

  1. Ótimo texto !!! Com certeza a vida é assim com idas e voltas,e temos que estar preparados para isso !! Sempre !!

  2. Boa noite Isabela amei esse seu texto, feito pra mim.

  3. Isa parabéns pelas colunas sou apaixonada pelo seu 1° livro.Já estou ansiosa pelo segundo .

  4. Isa, meu pensamento parece idêntico ao seu a tudo que envolve relacionamentos *-* Perfeitooo

  5. Perdoar ta difícil mas separar DOI demais

  6. Oi Isa , bom esse meu comentário não é bem sobre o texto que li adorei mais quero te dizer do seu livro não se apega não achei o maximo eu não sou muito de ler e o seu livro li em uma semana parabéns e estou na espera do segundo livro mais uma vez parabéns.

  7. Eu como Cristã só faço um comentário :Concordo com a Isa,relaxa, Deus nunca tira .. ele te livra !

  8. Esse texto é perfeito, concordo com cada palavra que foi dita. Inclusive, é a primeira vez que eu leio algo tão fidedigno ao meu pensamento a respeito desse assunto.

  9. Parabéns Isabela! Seus textos são ótimos! Eu sempre me encanto com sua forma de (pelo o que parece) ser forte! Gosto disso, e também me trás forças para encarar que NADA é para sempre.

  10. Posso compartilhar todos os teus textos? Hahah amei

  11. Nossaaaa, falou tudo. Parabéns! 👏👏😁

  12. Texto espetácular, Parabéns 👏 😊

  13. Eu amei seu texto, principalmente porque eu sempre fui da ideia que precisava mudar em você após o término e ultimamente eu tenho lido textos como os seus e penso : ” contar o cabelo não vai fazer diferença alguma ” ou ” usar aquela camiseta que eu usava quando saímos não vai dizer que eu penso em você, só vai dizer que eu queria usar ela”
    Eu adoro seus livros, beijos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *