Notícias

Uma família em tempos extremos

5 / maio / 2014

Post 1

A estreia de Míriam Leitão como romancista transcorre na histórica fazenda Soledade de Sinhá, em Minas Gerais, um refúgio no tempo que esconde mistérios que assombram a rotina da protagonista Larissa.

Organizamos os personagens de Tempos extremos em uma árvore genealógica que será apresentada pelos núcleos familiares. Acompanhe.

Núcleo principal:

Maria José, 88 anos, a matriarca. Tem quatro filhos. Seu marido engenheiro faleceu quando ela tinha 35 anos, nunca mais se casou.

Hélio é o filho mais velho, fez carreira no Exército e hoje é general da reserva. Trava um conflito ideológico constante com a sua irmã Alice, cinco anos mais nova.

Alice foi presa política na ditadura quando estava grávida de sua única filha, Larissa. Foi mãe solteira jovem e seu único amor e pai de sua filha, Carlos, morreu sob tortura.

Sônia é economista, uma administradora nata. É proprietária da Fazenda Soledade de Sinhá e mantém uma excelente relação com o Marcos, o caçula entre os irmãos.

Marcos é sonhador, romântico e alternativo. Mas totalmente irresponsável, que nunca se encontrou profissionalmente e que recorre quase sempre aos empréstimos de sua irmã Sônia. No entanto, seu valor de apaziguador é reconhecido quando ele lidera a roda de viola e faz a alegria das reuniões familiares.

Post 2

Hélio é um militar aposentado e sente orgulho pela carreira que construiu. Tem dois filhos de seu primeiro casamento. É casado com Márcia.

Márcia concorda sempre com as opiniões do marido, sejam elas controversas ou não.

Mônica tem 40 anos e uma filha de 11 anos, Clara, que mora com os avós. Frívola, sempre foi reconhecida bela beleza explícita. Namora um homem rico e casado, torce para ser um dia a oficial.

André é o mais velho, tem dois filhos: Pedro e Maria, sete e cinco anos, respectivamente. É professor de física em uma universidade.

Post 3

Alice e a filha se estranham com frequência. De personalidade forte, Alice está sempre pronta para defender seus ideais.

Larissa tem 38 anos, mas são muito diferentes. Ela tem uma beleza discreta, é tímida e insegura. Abandonou o jornalismo para se dedicar ao curso de História. No entanto, sonha em ser escritora.

Carlos é pai de Larissa, desaparecido político.

Antônio mantém um casamento estável com Larissa, mas sem paixão. É jornalista investigativo e detém informações relevantes sobre a família.

Post 4

Sônia é uma economista vencedora, que ganhara muito em todas as oscilações da bolsa e da conjuntura econômica vacilante dos anos da inflação alta e dos planos inesperados. Adquiriu a fazenda com o intuito de transformá-la em um hotel.

Post 5

Marcos é divorciado e pai de gêmeos. Geralmente é resgatado por empréstimos concedidos por Sônia, sempre sem condições de pagar. É fruto do desbunde, um perdido na profissão e um criativo por opção. Não é levado muito a sério pela ex-mulher e pelos filhos, mas tem forte sintonia com sua sobrinha Larissa.

Felipe é economista, centrado e preocupado em fazer fortuna.

Luisa mantém uma carreira promissora na televisão. Extremamente preocupada com a aparência, tende a ser superficial.

Tags , .

Leia mais Notícias

MITOLOGIA PARA SEMIDEUSES

MITOLOGIA PARA SEMIDEUSES

A GRANDE CAÇADA

A GRANDE CAÇADA

Conheça o relato da cientista brasileira que liderou os testes da vacina Oxford/AstraZeneca no país

Conheça o relato da cientista brasileira que liderou os testes da vacina Oxford/AstraZeneca no país

Um thriller para os fãs dos clássicos de terror dos anos 1990

Um thriller para os fãs dos clássicos de terror dos anos 1990

Comentários

5 Respostas para “Uma família em tempos extremos

  1. Quero ler este livro, por certo vai ser uma aventura linda. parabéns para a escritora brilhante jornalista e agora romancista.

  2. Estou aguardando com muita curiosidade poder ler este romance. Parabéns a brilhante jornalista e agora romancista.
    Sucesso

  3. Tempos Extremos esse romance
    vai virar um Best Seller Mirian Leitão excelente escritora
    a história vai ser linda eu vou comprar o meu exemplar

  4. Já comprei o meu. Imagino que será um “Vinhas da ira” brasileiro. Sucesso à nossa escritora.

  5. Fui fisgado por este livro desde a primeira vez que o vi, numa Saraiva em SBC. Comprei depois e o li rapidamente. Larissa está enredada em duas histórias do passado que a perturbam muito. Apesar disso, o relato é ágil e atual, agradável e, ao mesmo tempo, perturbador. Excelente romance da jornalista Miriam Leitão. Daria um ótimo filme.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *