Notícias

A VERDADE SOBRE HARRY QUEBERT

7 / maio / 2014

harry2

TRECHO DE A VERDADE SOBRE O CASO HARRY QUEBERT, DE JOËL DICKER

Só vou ao Clark’s para vê-la. Só vou lá para ficar perto dela. Ela é tudo que sempre sonhei. Estou possuído. Estou obcecado. Não tenho esse direito. Eu não deveria. Não deveria ir lá, não deveria nem mesmo permanecer nesta cidade funesta. Deveria ir embora, fugir, nunca mais voltar. Não tenho o direito de amá-la, é proibido. Será que estou louco?

Quando o corpo de Nola Kellergan é encontrado no jardim do escritor Harry Quebert, o autor de As origens do mal se torna o principal suspeito do assassinato da  adolescente de 15 anos. Harry alega inocência.

Mais de 30 anos antes, a pequena cidade de Aurora não estava acostumada a receber artistas e a chegada do escritor, no verão de 1975, não passou despercebida por seus habitantes. Harry se mudou na esperança de que a vida em uma localidade pacata lhe trouxesse inspiração para escrever seu segundo livro. Rapidamente, o romancista se adaptou ao cotidiano da cidade e tornou-se assíduo frequentador do Clark’s, onde se sentava à mesa 17 para escrever.

O que os moradores de Aurora não sabiam era que Harry ia ao diner para ver Nola, a adorável garçonete. A paixão que nutria pela garota 19 anos mais jovem era arrebatadora.

No entanto, ela desapareceu misteriosamente naquele mesmo verão. As investigações não apontaram nenhum suspeito e o caso permaneceu sem conclusão. Harry nunca se pronunciou sobre a menina ou sobre o romance dos dois.

 Saiba mais sobre Nola:  http://goo.gl/oi3C0j
 Leia uma dica de Harry para escrever um romance: http://goo.gl/BiIsmt

Tags , , .

Leia mais Notícias

Novo trailer de "A Culpa É das Estrelas"

Novo trailer de "A Culpa É das Estrelas"

A volta dos dragões

A volta dos dragões

Participe das leituras coletivas de Lendários

Participe das leituras coletivas de Lendários

Novo livro de Liane Moriarty chega ao Brasil no ano que vem

Novo livro de Liane Moriarty chega ao Brasil no ano que vem

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *