Sem categoria

O lado bom da Bienal

16 / abril / 2013

O escritor norte-americano Matthew Quick, autor de O lado bom da vida, estará presente na XVI Bienal do Livro Rio, evento literário que acontece entre os dias 29 de agosto a 8 de setembro. Lançado em janeiro, o romance já teve mais de 100 mil cópias vendidas no país e inspirou a comédia romântica homônima que rendeu à jovem Jennifer Lawrence o Oscar e o Globo de Ouro de melhor atriz.

Leia também: A trilha sonora de O lado bom da vida

Cena de O lado bom da vida, com Bradley Cooper e Jennifer Lawrence

Cena de O lado bom da vida, com Bradley Cooper e Jennifer Lawrence

Aos 30 anos, Matthew Quick era um respeitado professor de inglês em South Jersey que incentivava seus alunos a acreditar no próprio potencial e no poder da literatura — até o dia que se sentiu um hipócrita. Infeliz, ele largou o emprego e vendeu a casa para se dedicar ao sonho de escrever. Após três anos lidando com uma severa depressão, criou O lado bom da vida, romance que se tornou um sucesso imediato, com direitos para publicação adquiridos por outros 13 países.

Leia também: Uma conversa com Matthew Quick

Em O lado bom da vida, Pat Peoples, aos 30 e poucos anos, acaba de voltar de uma temporada em um hospital psiquiátrico e tem uma teoria: sua vida é um filme produzido por Deus, sua missão é se tornar física e emocionalmente preparado e seu final feliz será a reconciliação com o amor de sua vida, Nikki. Para isso, Pat segue uma rígida rotina de exercícios e inicia a leitura dos livros preferidos da ex-esposa, grandes clássicos norte-americanos de autores como Hemingway, Fitzgerald, Sylvia Plath, Mark Twain e J. D. Salinger.

Leia também: A biblioteca de Pat Peoples

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Leia o 1º capítulo de O lado bom da vida.

Dirigida por David O. Russell, a adaptação cinematográfica de O lado bom da vida é estrelada por Bradley Cooper (Se beber, não case), Jennifer Lawrence (Jogos vorazes) e Robert De Niro. Assista ao trailer:

Leia mais Sem categoria

concurso cultural de extraordinário

concurso cultural de extraordinário

A Torre Invisível traz a lenda do rei Arthur ao século XXI

A Torre Invisível traz a lenda do rei Arthur ao século XXI

Confira a capa do novo livro de Stranger Things, Cidade nas trevas

Confira a capa do novo livro de Stranger Things, Cidade nas trevas

HBO divulga data de estreia de Pátria, sua primeira série espanhola

HBO divulga data de estreia de Pátria, sua primeira série espanhola

Comentários

3 Respostas para “O lado bom da Bienal

  1. Meu Deus! Eu amo esse escritor, leio “O lado bom da vida” sempre que posso pelo e-book do tablet.

    Com toda certeza, como fã do livro, do filme e dos atores (Te amo, JLaw! Tributo para Sempre!) vou para Bienal apenas para beijá-lo!

  2. aaaaaaaaaaaaaaah Fiquei doido quando li isso, mas não tem nada falando sobre ele no site da Bienal ainda :s

    Tomara que ele dê autógrafos lá na Bienal 0000

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *