Trumbo

A vida do roteirista ganhador do Oscar que derrubou a lista negra de Hollywood

Bruce Cook
  • Formato(s) de venda: livro, e-book
  • Tradução: Catharina Pinheiro
  • Páginas: 368
  • Gênero: Não Ficção
  • Formato: 16 x 23
  • Lançamento: 14/01/2016

Em 1947, o jornal The Hollywood Reporter divulgou uma série de nomes de vários cineastas envolvidos com o comunismo, pela suspeita de que seus simpatizantes estivessem instilando sutilmente sua propaganda nos filmes de Hollywood. Dez pessoas foram intimadas a depor no Comitê de Atividades Antiamericanas, e Dalton Trumbo era seu principal nome.

Radical, franco e irônico, Trumbo recusou-se a entregar qualquer informação. Foi julgado, declarado culpado por desacato ao Congresso e, em 1950, preso. Atuando por trás das câmeras, por quase uma década viveu de produzir roteiros clandestinamente, a preços medíocres, até que dois Oscars depois, e com o esvaziamento do macarthismo, Trumbo se tornou o primeiro integrante da lista a ser novamente creditado em uma produção, abrindo caminho para o fim definitivo da caça às bruxas em Hollywood.

Bruce Cook

Bruce Cook

Bruce Cook (1932-2003) é um crítico experiente, jornalista e escritor, que escreveu 23 livros, entre ficção e não ficção. Nascido em Chicago, morou em Los Angeles e em Paris com a esposa, a violinista Judith Aller. O livro serviu de inspiração para o filme Trumbo - Lista negra, que estreia no Brasil em janeiro de 2016, protagonizado por Bryan Cranston (Breaking Bad), cuja atuação fiel no papel de Dalton Trumbo é uma das mais elogiadas dos últimos anos.

Booktrailer