Bastidores

Duas perguntas por dia

2 / junho / 2017

Se você acompanha a Intrínseca nas nossas redes sociais, já deve ter visto alguma foto de Uma pergunta por dia para mães – como esta:

 

Essa e todas as outras imagens foram feitas com a participação de uma das mamães de primeira viagem da editora e seus gêmeos lindos, que renderam o dobro de respostas no livro! Para contar um pouco sobre a experiência com a maternidade e sobre Uma pergunta por dia para mães, chamamos nossa coordenadora de marketing, Carol Nunes, para um bate-papo. Confira:

 

Por que você começou a preencher o livro? 

Como meus filhos ainda são bebês e estão se desenvolvendo super-rápido, achei que seria uma oportunidade incrível de guardar um registro do dia a dia deles durante este período, que é o de maior mudança na vida de alguém. Quero que em 30 anos eles possam saber como foi o início da vida deles.

 

Quando você começou? Já tinha o primeiro livro e passou para o Uma pergunta por dia para mães ou está preenchendo os dois?

Comecei a partir do dia 1º de janeiro, já que as lembranças ainda estavam bem vívidas e eu queria guardar toda aquela fase do comecinho. Tenho o primeiro, mas ele ficou um pouco sem sentido porque o grande tema da minha vida agora são os meninos e eu estava me repetindo loucamente ao escrever nos dois, hahaha!

 

Começou a responder depois do nascimento deles ou já durante a gravidez?

Depois do nascimento dos gêmeos. Inclusive, quando recebi o e-mail informando que íamos publicá-lo, deixei de lado minha licença-maternidade só para responder a nosso editor de aquisições dizendo o quanto tinha ficado feliz com aquela notícia. O livro saiu quando eu já estava de volta, e peguei um dos primeiros exemplares. <3

 

Como você preenche o livro? Diariamente ou respondendo a várias perguntas de uma vez?

Eu tento preencher todo dia, mas ser mãe de gêmeos dá muito trabalho! Hahaha!

Tô gostando tanto que tiro, quase sempre, 15 minutos no fim do dia para escrever naquelas páginas fofas. Esta pausa diária acabou se tornando meu ritual favorito.

 

Já teve alguma surpresa revendo as respostas de dias passados?

Já, sim! É demais acompanhar o desenvolvimento deles através do livro. E o mais incrível é rever os mínimos detalhes que a rotina me faz esquecer.

 

Tem alguma pergunta que você já esteja ansiosa para ver as respostas dos próximos 4 anos?

Pode ser duas? =) O que eu mais quero é cair no mundo com os meninos. Aguardando muito as respostas do dia 4 de setembro: “O lugar mais legal onde estive com meu filho/minha filha este ano foi…” e também a do dia 30 de outubro: “Qual foi o último lugar aonde você foi com seu filho/sua filha?”

 

Tem alguma pergunta cuja resposta gostaria que não mudasse nesses cinco anos?

Sim, é a pergunta do dia 25 de fevereiro: “Como você se sente como mãe?” E a resposta é simples e curtinha: a cada dia mais feliz. =)

 

 

 

Leia mais Bastidores

Uma Bia por dia

Uma Bia por dia

Como a vida de uma mãe pode mudar em 5 anos?

Como a vida de uma mãe pode mudar em 5 anos?

Conhecendo Paris (e nós mesmos) com Jojo Moyes

Conhecendo Paris (e nós mesmos) com Jojo Moyes

Uma noite assustadora com Freddy

Uma noite assustadora com Freddy

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *