Bastidores

Uma noite assustadora com Freddy

17 / maio / 2017

Por Talitha Perissé* e Bruno Machado**

Originalmente, o texto dessa semana sobre Five Nights at Freddy’s: Olhos prateados seria escrito pela Talitha. No dia 16 de maio, ela me mandou uma mensagem falando que ia ler um pouco do livro antes de dormir e desde então não apareceu mais na editora.

Toda informação que temos é a série de mensagens que ela me enviou naquela noite. Segue abaixo o registro da nossa editora de aquisições:

20h – QUE PORCARIA É ESSA QUE ESTOU LENDO?

20h45 – Caraca, essas criaturas são bizarras. Gezuis, vão matar essa menina

21h02 – Não entre no quarto, os animatrônicos vão te matar. Você nunca viu Chucky, o boneco assassino, miga?

As criaturas que a Talitha menciona são os quatro robôs de quase dois metros que ‘habitam’ a pizzaria abandonada Freddy Fazbear – Freddy, Chica, Foxy e Bonnie (ex̵i̵st͜ę u̸m̷ ͡q͡ui̷ntǫ). O curioso é que dez anos após o desaparecimento de cinco crianças no restaurante, as criaturas ainda estão funcionando. Estranho, não?

22h – Migos maneiros. Parece a galera do Scooby-Doo só que com mortes. Pera, mortes?!

23h  –  Ok, estou confusa. O que está acontecendo?

00h01 – Ainda não entendi bem só sei que é uma péssima ideia o que eles estão fazendo.

E a turminha do barulho é o grupo de amigos de Charlie, filha do (ex) dono da pizzaria. Depois do sumiço de um de seus amigos, a patota se separou e alguns até saíram da cidade. Eles se reúnem uma década depois para homenagear o desaparecido, Michael. M̸al̷͓̲ ̸̣̗͇̭s̥̯͕ͅa̶b̢̪i҉͙a̺̺ḿ̜ ̞͠e͔͖ļ̻̠̼̗e̯̕s͖̥͕̪ o҉͉̗͉̗̪n̺̞̳̯̻d̶͇̳̙e̟͔͚̯̭̖̜ ͏͉͚̬ḙ̯̗̗͓͖ͅs̴͖̗t̵̮̯̭͔̩̦̻a̞̘v̵̗a̗̻̬͈͕͙ṃ̵̼̞̠͇͉̖ ̥̥̰̦ͅs̫̬e̼̕ ̹̻̪̙̱̫m̟͔̖̗͇̜͇e̴̠t̷̖̟͕͎̥̦̩e͚̫͚n̦͍̣̩̕d͘o̗̱̥̙..̝̰̯̟̳͓.̲͎̭

00h30 – Eu não consigo parar de ler esse livro e está tudo escuro. QUE SOMBRA É ESSA QUE EU VI

00h45 – Ufa, a sombra era só minha camisa pendurada no cabideiro. Tudo bem, estou segura. Meu cobertor vai me proteger. Lerei no escuro em paz e nada de mau vai me acontecer.

01h00 – Meu pé escapou da coberta. EU SENTI ALGO ENCOSTANDO EM MIM. FREDDY, É VOCÊ??? QUEM TEVE ESSA IDEIA ESTÚPIDA DE LER NO ESCURO?

01h30 – Já estou mais calma. Posso voltar para leitura

02h00 – Meu Deus, o que vai acontecer com essa turminha do barulho?

02h48 – Por que as pessoas sempre se separam? Não se separem!

03h – N͞ão.͡consi̸go.par͝àr.͜de.̕ler̴.mànd͢e̷m͠.̢aju̷da ̸

Bom, isso é tudo que sabemos sobre o paradeiro da jovem Talitha. Se você tiver notícias dela, pedimos que entre em contato nos comentários deste post. Qualquer ajuda é bem-vinda.

E, se você gosta de histórias assustadoras sobre uma galerinha da pesada se envolvendo em confusões sobrenaturais, ou se já conhece a série de jogos Five Nights at Freddy’s e quer entender melhor a história por trás dos sustos, leia um trecho de Olhos prateados.

 

*Talitha Perissé é editora assistente de aquisições, acredita que gifs deveriam ser uma maneira formal de comunicação e que cobertores são armaduras mais protetoras que adamantium.

Seu paradeiro no momento é desconhecido. Se alguém a vir, ela gosta de chocolate e sorvete de pistache. Cuidado ao se aproximar.

**Bruno Machado é assistente de redes sociais e certa vez chegou na editora com cicatrizes bizarras e estranhos olh̨͘o̡s ͏̢́ṕ̶͘r̵̛̕a̛͘t͘҉̶e̸̕͠a̷d͜͠o̴s̶͝.

Tags , , , .

Leia mais Bastidores

As fases do medo com Five Nights at Freddy’s: Olhos prateados

As fases do medo com Five Nights at Freddy’s: Olhos prateados

O universo não se importa. Ainda bem.

O universo não se importa. Ainda bem.

Amigos, amigos, livros à parte

Amigos, amigos, livros à parte

Sobre meu amor por todo o universo Lara Jean

Sobre meu amor por todo o universo Lara Jean

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *